iPhone Apple – Wal-Mart poderá vender o smartphone por 99 dólares

A rede varejista Wal-Mart poderá vender o smartphone da Apple a 99 dólares, preço que vale para o modelo de 4 gigabytes de memória interna. A especulação do lançamento foi levantada pelo site Bloomberg, especializado em negócios. Segundo a reportagem, cinco funcionários do Wal-Mart foram consultados e confirmaram que a nova versão estará disponível até o fim do mês.

Atualmente, há duas versões disponíveis: uma com 8GB e outra com 16 GB ao preço de 199 e 299 dólares respectivamente. A nova oferta poderia ser a chave para a maior popularização do aparelho nos EUA e em outros mercados.

Segundo publicado pelo AD News, na visão de Shaw Wu, analista da empresa de finanças Kaufman Brothers, é “inevitável” que a Apple ofereça uma versão de 4 GB do smartphone. Segundo ele, é preciso incluir outras faixas de consumo para o iPhone.

do Olhar Digital

Petrobras ultrapassa a Microsoft e a 3ª das Américas

Da série “O Brasil que dá certo”

Fruto de luta de décadas a Petrobras, que também resistiu a fúria privatista do sociólogo da entregação – ele mesmo, FHC – continua orgulhando os brasileiros e esbanjando competência, apesar dos governos que infelicitam os Tupiniquins. Reconhecida mundialmente pela excelência dos seus quadros técnicos, e detentora da mais avançada tecnologia de prospecção de petróleo em águas profundas, a companhia, nascida da campanha “o petróleo é nosso”, ultrapassa a Microsoft e se torna a 3ª maior empresa das Américas.

Do Globo Online/Reuters

A Petrobras ultrapassou a Microsoft, tornando-se a terceira maior empresa do continente americano em valor de mercado, segundo a consultoria Economática. O levantamento tomou como base o preço das ações das companhias na última sexta-feira, data em que a Petrobras tinha um valor de mercado de aproximadamente US$ 287,2 bilhões, contra US$ 279,3 bilhões da maior empresa de software do mundo.

Nesse dia, as ações preferenciais da Petrobras encerraram cotadas a R$ 48,15, enquanto as ordinárias valiam R$ 57,90. Já os papéis da Microsoft encerraram valendo US$ 29,99 cada. Nesta segunda-feira, à tarde, as ações PN e ON da Petrobras subiam mais de 2% ( Clique aqui e acompanhe o desempenho da Bovespa nesta segunda )

Em um ano, as ações da empresa brasileira subiram mais de 110%, enquanto os papéis da Microsoft sofreram desvalorização de 3,5% em relação ao fechamento em 16 de maio de 2007.

No ranking das maiores empresas da América em valor de mercado, além da Petrobras, figuram outras brasileiras como a Vale, em nono lugar com US$ 196,5 bilhões, e o Bradesco, com US$ 67,2 bilhões, na quadragésima terceira posição.

A única empresa mexicana a aparecer no ranking é a operadora de telefonia América Móvil, com US$ 99 bilhões, com a vigésima nona posição. Em primeiro lugar na lista ficou a maior empresa petrolífera do mundo, a Exxon Mobil, com valor estimado em US$ 489,6 bilhões de dólares.
Confira a lista das dez maiores das Américas

Exxon Mobil – US$ 489,640 bilhões

General Electric – US$ 320,253 bilhões

Petrobras – US$ 287,171 bilhões

Microsoft – US$ 279,306 bilhões

AT&T Telecomunicações – US$ 238,056 bilhões

Wal Mart Stores – US$ 225,562 bilhões

Chevron Texaco – US$ 207,625 bilhões

Procter & Gamble – US$ 203,787 bilhões

Vale do Rio Doce – US$ 196,495 bilhões

Berkshire Hathaway – US$ 189,580 bilhões