PEC do voto secreto, STF,Congresso Nacional e Pizza

Pizza Congresso Nacional Blog do MesquitaEu escrevi aqui, há dois dias, que o fim do voto secreto seria um tiro no pé, e também que o fato da PEC – Projeto de Emenda Constitucional – ter sido aprovada na Câmara, não implicava em aplicação imediata, pois uma PEC para ser incorporada à Constituição Federal necessita de votação em dois turnos na Câmara e dois turnos no Senado.

Aí argumentei que nada impediria que a PEC vinda da Câmara e chegando ao Senado, nada impediria que fosse novamente enfiada no fundo de alguma gaveta, só voltando à ribalta, se, e quando, houvesse novo clamor popular.

Não deu outra. Ontem o senadorzinho Bandalheiros sugeriu o “fatiamento” – ato falho, pois falar em fatiamento remete a pizza – da PEC, para que fossem feitos alguns ajustes. Bingo!

Qualquer modificação, mesmo de redação, implicará a devolução da PEC à Câmara para nova rodada de votações.

Aí tudo esfria inclusive a pizza, e fica aberto o forno para cozinhar a cassação dos mensaleiros condenados no STF.

Ps. Isso se a quadra togada – Lewandowski, Zavascki, Toffoli e Marco Aurélio – não assarem a outra pizza.


[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo] primeiro.