John Donne – Constância Feminina


Constância Feminina
John Donne

Agora já me amaste por um dia inteiro.
Amanhã, quando partires, o que dirás?
Irás antedatar algum voto mais recente?
Ou dizer que, agora,
Já não somos exatamente os mesmos de antes?
Ou que as juras, feitas por medo reverencial
Ao Amor e à sua ira, se podem renegar?
Ou, como veras mortes desligam veros casamentos,
A imagem destes, os contratos dos amantes
Unem só até que o sono, imagem da morte, os separe?
Para justificar teus próprios fins,
Tendo proposto mudança e falsidade, não terás tu
Outro meio senão a falsidade para seres sincera?
Lunática vã, contra tais evasivas eu poderia
Argumentar e ganhar, se quisesse,
O que me abstenho de fazer
Porque, amanhã, poderei vir a pensar como tu.

Tradução de Helena Barbas


Você leu?: Martha Medeiros – Versos de amor


Postado na categoria: Literatura, Poesia - Palavras chave: ,

Leia também:

Nietzsche - Mais vale ser surdo que ensurdecido
Nietzsche - Mais vale ser surdo que ensurdecido

Refletir é preciso. Mais vale ser surdo que ensurdecido   Antigamente as pessoas queriam criar-se uma reputação: isso já não basta, a feira tornou-se demasiado vasta; agora é necessário vender...

October 2, 2019, 6:59 pm
Artur Eduardo Benevides - Soneto de indagação
Artur Eduardo Benevides - Soneto de indagação

Será tarde, Senhora, será tarde?

September 27, 2019, 6:14 pm
Simone de Beauvoir - Para que minha vida me bastasse
Simone de Beauvoir - Para que minha vida me bastasse

Como as coisas se revelam

October 11, 2019, 6:41 pm
Petrarca - Fragmento do "Canzoniere"
Petrarca - Fragmento do "Canzoniere"

Soneto Fragmento do "Canzoniere" Petrarca ¹ Bendito o dia e o mês, o ano e a estação, e o tempo e a hora e o ponto e o bel país,...

September 29, 2019, 7:10 pm
Theodor Adorno - Falar Sempre, Pensar Nunca - Filosofia
Theodor Adorno - Falar Sempre, Pensar Nunca - Filosofia

O esclarecimento já pronto transforma a reflexão espontânea

October 12, 2019, 7:32 pm
Hilda Hist - E por que haverias de querer - Poesia
Hilda Hist - E por que haverias de querer - Poesia

Mas não menti gozo prazer lascívia

October 7, 2019, 6:00 pm