Henriqueta Lisboa – Poesia


Serenidade
Henriqueta LisboaBG,Blog do Mesquita,Fotografias,Flickr (3)

Há muito tempo, Vida, prometeste
trazer ao meu caminho uma doida alegria
feita de espírito e de chama,
uma alegria transbordante, assim como esse
alvo clarão que se irradia
da orla festiva das enseadas,
e entre reflexos de ouro se derrama
do cântaro das madrugadas.

Eu, que nasci para um destino manso
de coisas suaves, silenciosas, imprecisas,
e que fico tão bem neste obscuro remanso
onde apenas se infiltra um perfume de brisas,
imagino a tremer: que seria de mim
se essa alegria
esplêndida, algum dia,
houvesse surpreendido a minha inexperiência!…

Postado na categoria: Literatura, Poesia - Palavras chave: ,

Leia também:

Clarice Lispector - A Imaginação é a Base do Homem
Clarice Lispector - A Imaginação é a Base do Homem

Porque tudo segue o caminho da inspiração Literatura-Poesia-Frases-Blog do Mesquita -Clarice Lispector

August 1, 2019, 5:10 pm
Bernard Baruch - Frase do dia
Bernard Baruch - Frase do dia

Todos têm direito de se enganar nas suas opiniões...

July 25, 2019, 1:22 pm
Manoel de Barros - Soberania
Manoel de Barros - Soberania

...mas o vento escorregava muito...

August 5, 2019, 8:00 pm
Vergílio Ferreira - Dizer não
Vergílio Ferreira - Dizer não

Diz NÃO à liberdade que te oferecem...

August 6, 2019, 8:00 pm
Cesare Pavese - A nossa arte
Cesare Pavese - A nossa arte

A arte de mergulhar fulminante e profundamente na dor

August 17, 2019, 6:34 pm
John Donne - Constância Feminina
John Donne - Constância Feminina

Constância Feminina John Donne Agora já me amaste por um dia inteiro. Amanhã, quando partires, o que dirás? Irás antedatar algum voto mais recente? Ou dizer que, agora, Já não...

July 31, 2019, 9:46 pm