• mqt_for@hotmail.com
  • Brasil

Evo Morales e greve de fome

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Caro presidente Bolivariano.

Seja um vencedor!

Não desista!

Convoque os “hermanos” Cháves e o Correa do Equador, além do “doidin” “Kim qualquer coisa da Coréia” e do zumbí Fidel Castro, todos especialistas em matar o povo de fome, para que lhe sejam solidários fazendo também, eles, greve de fome.

Estaremos torcendo por vocês até a morte, ops, até a vitória final!

“Vou manter o jejum. É um pedido clamoroso do povo”.
Presidente da Bolívia, Evo Morales, em greve de fome pela aprovação de uma nova lei eleitoral.

PS. Como são sábios os bolivianos.

José Mesquita

José Mesquita

Pintor, escultor, gravador e "designer". Bacharel em administração e bacharel em Direito. Pós-graduado em Direito Constitucional. Participou de mais de 150 exposições, individuais e coletivas, no Brasil e no exterior. Criador e primeiro curador do Prêmio CDL de Artes Plásticas da Câmara de Dirigentes Lojista de Fortaleza e do Parque das Esculturas em Fortaleza. Foi membro da comissão de seleção e premiação do Salão Norman Rockwell de Desenho e Gravura do Ibeu Art Gallery em Fortaleza, membro da comissão de seleção e premiação do Salão Zé Pinto de Esculturas da Fundação Cultural de Fortaleza, membro da comissão e seleção do Salão de Abril em Fortaleza. É verbete no Dicionário Brasileiro de Artes Plásticas e no Dicionário Oboé de Artes Plásticas do Ceará. Possui obras em coleções particulares e espaços públicos no Brasil e no exterior. É diretor de criação da Creativemida, empresa cearense desenvolvedora de portais para a internet e computação gráfica multimídia. Foi piloto comercial, diretor técnico e instrutor de vôo do Aero Clube do Ceará. É membro da National American Photoshop Professional Association, Usa. É membro honorário da Academia Fortalezense de Letras.

Gostou? Deixe um comentário

José Mesquita

Pintor, escultor, gravador e “designer”.

Bacharel em administração e bacharelando em Direito.

Participou de mais de 150 exposições, individuais e coletivas, no Brasil e no exterior.

Mais artigos

Siga-me