Schopenhauer – Não felicidade sem verdadeira vida interior

Não há Felicidade sem Verdadeira Vida Interior A vida intelectual ocupará, de preferência, o homem dotado de capacidades espirituais, e adquire, mediante o incremento ininterrupto da visão e do conhecimento, uma coesão, uma intensificação, uma totalidade e uma plenitude cada vez mais pronunciadas, como uma obra de arte amadurecen­do aos poucos. Em contrapartida, a vida … Continued

Postado na categoria: Filosofia, Literatura - Palavras chave: ,