• mqt_for@hotmail.com
  • Brasil

Tópicos do dia – 14/08/2012

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

09:26:47
Julgamento do Mensalão: “Se fosse o Collor, estaria preso, mas no Lula não pega”.

Um abatido Roberto Jefferson, em seu apartamento, na Barra da Tijuca, fez esse comentário no momento em que seu advogado no caso do mensalão, Luiz Francisco Barbosa, disse que o ex-presidente Lula deveria estar entre os réus.
Apesar da aparente contradição entre a versão que sustentou durante sete anos – a de que Lula era inocente –, Jefferson mantém o discurso de que, em sua opinião, o petista não tinha conhecimento do mensalão.

12:17:44
Não escapa ninguém: Declarada inidônea empresa ligada ao PSDB

Em razão de “ações ilícitas”, a empresa Diana Paoluci S/A foi declarada inidônea pelos Correios e Telégrafos e proibida de participar de novas licitações na estatal. Essa e outras duas, Mercosul Comercial e Capricónio, controlam o milionário negócio de fornecimento de uniformes escolares ao governo paulista, que lhes rendeu mais de R$ 200 milhões, com evidências de superturamento, quando era secretário de Educação Alexandre Schneider, o “vice problema” de José Serra.

Máfia da Mooca
As empresas que monopolizam o fornecimento de uniformes ao governo são conhecidas no mercado como a “máfia da Mooca”.

Investigação
Reportagem de Claudio Dantas Sequeira, para a revista IstoÉ desta semana, revela que a Policia Federal investiga a Máfia da Mooca”.

Gastos elevados
Segundo as investigações, só um contrato com aval de Alexandre Schneider pode ter custado R$ 33,5 milhões a mais ao Estado.

Doações eleitorais
Consulta ao TSE revelou que sócios de empresas da “Máfia da Mooca” fizeram doações expressivas em dinheiro ao PSDB nacional.
coluna Claudio Humberto

15:39:53
Marconi Perillo: STJ autoriza diligências contra o governador de Goiás.

O ministro Humberto Martins, do Superior Tribunal de Justiça, autorizou diligências do inquérito para apurar as relações do governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), com o empresário Carlinhos Cachoeira. A decisão de Martins atende a solicitação do procurador-geral da República, Roberto Gurgel, baseando-se em gravações telefônicas feitas durante a Operação Monte Carlo, da Polícia Federal, que investigou Cachoeira e esbarrou em suas relações com políticos. Perillo alega que ele pediu a investigação da Procuradoria e reafirma não ter relações com Cachoeira.

16:15:12
Lula mensalão e miragens.

Então fica acertado assim:
As pirâmides do Egito são uma miragem, o homem na Lua é truque que a Nasa encomendou a Hollywood, e o Lula não fazia a menor ideia que existia o mensalão.


[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo]

José Mesquita

José Mesquita

Pintor, escultor, gravador e "designer". Bacharel em administração e bacharel em Direito. Pós-graduado em Direito Constitucional. Participou de mais de 150 exposições, individuais e coletivas, no Brasil e no exterior. Criador e primeiro curador do Prêmio CDL de Artes Plásticas da Câmara de Dirigentes Lojista de Fortaleza e do Parque das Esculturas em Fortaleza. Foi membro da comissão de seleção e premiação do Salão Norman Rockwell de Desenho e Gravura do Ibeu Art Gallery em Fortaleza, membro da comissão de seleção e premiação do Salão Zé Pinto de Esculturas da Fundação Cultural de Fortaleza, membro da comissão e seleção do Salão de Abril em Fortaleza. É verbete no Dicionário Brasileiro de Artes Plásticas e no Dicionário Oboé de Artes Plásticas do Ceará. Possui obras em coleções particulares e espaços públicos no Brasil e no exterior. É diretor de criação da Creativemida, empresa cearense desenvolvedora de portais para a internet e computação gráfica multimídia. Foi piloto comercial, diretor técnico e instrutor de vôo do Aero Clube do Ceará. É membro da National American Photoshop Professional Association, Usa. É membro honorário da Academia Fortalezense de Letras.

Gostou? Deixe um comentário

José Mesquita

Pintor, escultor, gravador e “designer”.

Bacharel em administração e bacharelando em Direito.

Participou de mais de 150 exposições, individuais e coletivas, no Brasil e no exterior.

Mais artigos

Siga-me