Ética, Senado, Sócrates e Aristóteles!

FilósofosOs brasileiros, somos conhecidos no mundo pelas habilidades futebolísticas, pela cadência malemolente do samba e outras “mis” diversas competências.

Agora, além de abençoada por Deus e bonita por natureza, passa a pátria amada, salve, salve, a incursionar nas ágoras, inovando métodos e redefinindo conceitos, graças aos doutos filósofos senatoriais.

Leio notícia em jornalão, que a “mesa diretora do Senado Federal rejeitou denúncia do PSOL ao Conselho de Ética do Senado, contra um senador – nome não declinado”.

Suas (deles) ex-celências argumentam, vejam só caras-pálidas, “que os fatos apontados ocorreram antes do exercício do mandato” do referido senador. Uáu!

Fica assim instituída no Brasil a ética com prazo de validade.
Ouviu Sócrates? Preste atenção Aristóteles!

Ps. Esclareço aos Senadores, a título de ilustração, que embora no início desse “post” tenha me referido ao futebol, o Sócrates aí acima citado não é o excepcional ex-meio campo da seleção Brasileira.


[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo]

Tópicos do dia – 15/02/2012

08:52:48
Mantega: ministro fritando na manteiga.
Oposição aposta no envolvimento de Mantega
A oposição acusou de improbidade administrativa o ministro Guido Mantega (Fazenda), em representação feita ontem ao procurador-geral da República, na expectativa de que as investigações revelem a extensão do seu envolvimento com o ex-presidente da Casa da Moeda Luiz Felipe Denucci, que teria recebido propinas de US$ 25 milhões no exterior. A Receita Federal e a Polícia Federal investigam Denucci.
Claudio Humberto

14:04:56
CCJ da Câmara Federal aprova uma aberração.
Brasil: da série “só doi quando eu rio”.
Comissão de Constituição e Justiça da Câmara Federal, aprovou um tal de Estatuto da Juventude. Mais um. A marmota, pasmem, define um conjunto de direitos específicos para jovens entre 15 e 29 anos. Assim um marmanjo estudante com somente 29 aninhos terá direito, inclusive, à meia-entrada em eventos artísticos e de entretenimento e lazer em todo o território nacional. Nessa marcha, quando sair-se do Estatudo da Juventude já se está a tempo de usufruir dos direitos do estatuto do Idoso. Argh!

14:15:02
STF decide sobre a Lei da Ficha Limpa.
Começa julgamento da validade da anterioridade da Lei da Ficha Limpa. Em juízo, entre outras questões constitucionais, está o respeito ao Princípio da Presunção da Inocência, um dos pilares da segurança jurídica. Ministro Tóffoli, em voto que está apresentando nesse momento, canal 04 NET, cita voto do ex-ministro Eros Grau: “a existência de um processo não é, ainda, indicativo de maus antecedentes.”
Espero, que em nome de se ouvir “a voz rouca das ruas”, o STF não rasgue a CF.

16:21:04
Ronaldo fenômeno diz que estádios são mais prioritários que hospitais.
O Ronaldo, ex-jogador, afirmou, vejam que estupidez, que: “Não se faz Copa do Mundo com hospitais e sim com estádios.
A divisão de investimentos existe, mas temos que ver o que é prioridade”.
Já o grande jogador Sócrates já havia sentenciado, com toda a propriedade: “O Brasil ainda não tem condições moral de sediar uma copa do mundo.” Gol!


[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo]

Nietzsche – Filosofia na tarde

Cultura é um fenômeno eterno
Nietzsche ¹
A ávida vontade vai sempre encontrar um meio de fixar as suas criaturas na vida através de uma ilusão espalhada sobre as coisas, forçando-as a continuar a viver. Este se vê amarrado pelo prazer socrático do conhecimento e pela ilusão de poder, através do mesmo, curar a eterna ferida da existência; aquele vê-se envolvido pelo véu sedutor da arte ondeando diante dos seus olhos; aquele, por seu turno, pela consolação metafísica de que sob o remoinho dos fenômenos continua a fluir, imperturbável, a vida eterna: para não falar das ilusões mais comuns, e talvez mais vigorosas, que a vontade tem preparadas em qualquer instante. Aqueles três níveis de ilusão destinam-se apenas às naturezas mais nobremente apetrechadas, nas quais a carga e o peso da existência são em geral sentidos com um desagrado mais profundo e que podem ser ilusoriamente desviadas desse desagrado através de estimulantes selecionados. É nestes estimulantes que consiste tudo o que chamamos cultura.

Friedrich Nietzsche, in ‘O Nascimento da Tragédia’.

¹ Friedrich Wilhelm Nietzsche – Alemanha
* Weimar, Alemanha – 15 Outubro 1844 d.C
+ Weimar, Alemanha – 25 Agosto 1900 d.C


[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo]

Tópicos do dia – 04/12/2012

08:30:39
A face oculta do alcoolismo dos famosos
E o álcool continua não sendo considerado droga. Expoentes formadores de opinião continuam a propagandear – vendendo a alma, coração e mentes – e criminosamente incentivando os jovens ao consumo, com imagens sedutoras. Digo pro meu neto, 10 anos, que a cerveja que está no comercial da TV, não o transformará naquele personagem saudável, esportivo e bonito. O que o aguarda é o poço sem fundo do alcoolismo e da desagregação familiar.

09:15:45
A praga do politicamente correto, avança.
Ouço entrevista na TV na qual representante de um, argh!, Ong chama anão de “pessoa verticalmente prejudicada”.
Se vero, uma estupidez. Se piada, de profundo mau gosto e extremamente preconceituosa.

09:33:49
Imprensa, alcoolismo e verbas publicitárias.
A imprensa, dependente das gordas verbas publicitárias dos fabricantes da droga etílica, está dando ênfase a morte do Sócrates como sendo “infecção generalizada” ou “cirrose” minimizado o alcoolismo do grande jogador. Já vi jornais, virtuais, impressos e televisivos, dizendo que a infecção que matou o jogador foi oriunda de um “strogonoff” contaminado.
Putz!

19:26:48
Lupi? Foi-se!
Um a menos!
Carlos Lupi foi desfenestrado por Gepetto.
O mentiroso, é o 7º a sair. Sete não é o número do mentiroso?


[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo]