Olhe essa – TV Pública. Lula indica membros do conselho

Para fiscalizar a TV Pública, que o Governo Federal põe no ar ainda em 2007, o presidente Lula da Silva indicou os 15 membros do Conselho Curador da Empresa Brasil de Comunicação (EBC).

O ministro da Comunicação Social, Franklin Martins, disse que “os principais critérios que nortearam a escolha foram a pluralidade e a diversidade regional”.

O presidente do conselho será escolhido entre os membros através de votação. É provável que a escolha recaia sobre Luiz Gonzaga Belluzo, professor de economia da Unicamp.

Além dos 15 indicados por Lula, serão membros do conselho os ministros da Educação, Fernando Haddad, da Ciência e Tecnologia, Sérgio Resende, e da Cultura, Gilberto Gil, além do próprio ministro Franklin Martins. Haverá, ainda um representante dos funcionários.

Os 15 indicados pelo Presidente Lula, são: 

  1. Ângela Gutierrez, empresária e empreendedora cultural;
  2. Cláudio Lembo, ex-governador de São Paulo pelo DEM;
  3. Delfim Netto, ex-deputado federal do PMDB;
  4. Ima Vieira, diretora do Museu Emílio Goeldi;
  5. Isaac Pinhanta, professor indígena no Acre;
  6. José Bonifácio de Oliveira Sobrinho (Boni), proprietário da TV Vanguarda e consultor da TV Globo;
  7. José Martins, vice-presidente do Conselho de Administração da Marcopolo;
  8. José Paulo Cavalcanti Filho, advogado e especialista em legislação sobre imprensa;
  9. Lúcia Willadino Braga, diretora da Rede Sarah de Hospitais;
  10. Luiz Edson, professor de direito da Universidade Federal do Paraná;
  11. Luiz Gonzaga Belluzzo, professor de economia da Unicamp;
  12. Maria da Penha Maia, biofarmacêutica cearense, que ensejou a criação da lei que aumenta o rigor nas punições a agressões contra a mulher;
  13. MV Bill, rapper brasileiro;
  14. Rosa Magalhães, artista plástica e carnavalesca;
  15. Wanderley Guilherme dos Santos, professor aposentado da UFRJ.

Tem um “rapper”(?), mas não tem um ator?