iPhone Apple – Wal-Mart poderá vender o smartphone por 99 dólares

A rede varejista Wal-Mart poderá vender o smartphone da Apple a 99 dólares, preço que vale para o modelo de 4 gigabytes de memória interna. A especulação do lançamento foi levantada pelo site Bloomberg, especializado em negócios. Segundo a reportagem, cinco funcionários do Wal-Mart foram consultados e confirmaram que a nova versão estará disponível até o fim do mês.

Atualmente, há duas versões disponíveis: uma com 8GB e outra com 16 GB ao preço de 199 e 299 dólares respectivamente. A nova oferta poderia ser a chave para a maior popularização do aparelho nos EUA e em outros mercados.

Segundo publicado pelo AD News, na visão de Shaw Wu, analista da empresa de finanças Kaufman Brothers, é “inevitável” que a Apple ofereça uma versão de 4 GB do smartphone. Segundo ele, é preciso incluir outras faixas de consumo para o iPhone.

do Olhar Digital

iPhone: saiba como comprar no Brasil

G1 explica como comprar, quais os modelos disponíveis e os valores.
Usuários devem ficar atentos: plano pós-pago chega a R$ 585 mensais.

Por: Juliana Carpanez

O lançamento oficial do iPhone 3G no Brasil foi realizado nesta sexta-feira (26) pelas operadoras Claro e Vivo. No entanto, muitas pessoas interessadas no aparelho ainda têm dúvidas sobre a venda do produto, seus preços e questões técnicas sobre os serviços prestados para os usuários do iPhone 3G pelas empresas de telefonia. Confira abaixo um tira-dúvidas sobre a novidade.

Como comprar?

O iPhone pode ser comprado pelos clientes da Vivo que foram contatados pela empresa: por enquanto, só podem adquirir o produto aqueles identificados pela empresa como clientes em potencial, considerando o perfil de uso. Já na Claro, qualquer pessoa pode comprar um iPhone em 25 lojas de 13 Estados. Essa última empresa também se comprometeu a oferecer o celular, de maneira gradativa, às pessoas que se registraram no site em busca de informações.

Os interessados que quiserem ser contatados pelas operadoras para fazer a aquisição, sem previsão de data, podem se cadastrar na página da Claro e também da Vivo.

Onde comprar?

Os clientes da Vivo devem seguir as instruções da empresa, depois de serem contatados por ela. No caso da Claro, os internautas que se registraram no site e não querem aguardar o contato da empresa podem ir até uma das 25 lojas físicas que comercializam o produto (veja onde).

Quantos iPhones estão disponíveis no Brasil?

A Claro diz que seu primeiro lote tem 30 mil aparelhos e considera a possibilidade da escassez do produto em pouco tempo. Já a Vivo divulgou ter recebido 200 mil peças. As empresas receberão novos lotes, mas não informam quando nem quantos aparelhos virão.

Quais os modelos?

Os iPhones estão disponíveis em preto ou branco. As capacidades de armazenamento são duas: 8 GB e 16 GB.

Quanto custa?

Os preços no Brasil vão de R$ 900 a R$ 2,6 mil, dependendo da operadora, do plano e da capacidade de armazenamento do aparelho.

Nos modelos pré-pagos, eles custam R$ 1,9 mil (Vivo; 8 GB), R$ 2,2 mil (Vivo; 16 GB), R$ 2,3 mil (Claro; 8 GB) e R$ 2,6 mil (Claro; 16 GB).

Já nos planos pós-pagos, o iPhone mais barato da Vivo (R$ 900) é o de 8 GB dentro do pacote iPhone Completo (R$ 585 mensais, com 1.400 minutos para celulares e telefones fixos, acesso ilimitado à internet e 150 torpedos). Na Claro, o aparelho subsidiado mais barato (R$ 1.240) é o de 8 GB associado ao plano iPhone 400 (R$ 152 mensais, com 360 minutos de ligações para Claro, 40 minutos para telefones fixos, 200 MB de dados e 200 torpedos).

A Claro também tem uma promoção restrita para os clientes que pagarem o produto com o cartão American Express, do Bradesco, em até 24 parcelas. Nesse caso, o modelo de 8 GB cai para R$ 1 mil, segundo a operadora, que leva em conta o desconto dado sobre a franquia mensal. A cobrança pelo valor do aparelho, porém, será feita pelo preço integral de R$ 2 mil.

Como escolher o tamanho do pacote de dados?

O iPhone 3G precisa de um pacote de dados, além das ligações, para que o usuário navegue pela internet. Para se ter uma idéia do que 100 MB de dados podem fazer, a Claro exemplifica: com esse pacote é possível enviar ou receber 10.240 e-mails; baixar 2.048 imagens; fazer o download de 26 músicas em MP3 de quatro minutos cada; assistir a quatro horas de vídeo streaming ou fazer o download de quatro trailers com cinco minutos cada.

Se ultrapassar o limite do pacote de dados, o cliente da Claro paga R$ 6 por MB excedente. Os pacotes da Vivo para iPhone acima de 180 minutos têm tráfego ilimitado de dados, mas se o usuário de planos iPhone mais básicos ultrapassarem o limite, pagam entre R$ 0,10 e R$ 0,30 por MB excedido, de acordo com a própria operadora.

O iPhone vem desbloqueado?

Não, o aparelho é vendido bloqueado no Brasil. No entanto, diz a Claro, o cliente pode solicitar o desbloqueio do telefone, de acordo com o regulamento do Serviço Móvel Pessoal (SMP). Se depois do desbloqueio o usuário abandonar a operadora onde comprou o celular pós-pago, ele será obrigado a pagar uma multa de quebra de contrato – o valor varia de acordo com o plano assinado e o tempo restante da carência. Os planos de serviços exigem 12 meses de fidelidade à empresa.

Quais as funcionalidades do aparelho?

Um dos principais chamarizes do iPhone é sua tela de 3,5 polegadas sensível ao toque, controlada com os dedos das mãos, que elimina a necessidade de usar teclas ou stylus (aquela ‘canetinha’ utilizada dos palmtops). Pelo fato de ter tecnologia 3G, o aparelho oferece acesso rápido à internet. Ele também incorpora as funções do tocador digital iPod, tem GPS, câmera de 2 megapixels (que só tira fotos, não grava vídeos) e acesso à loja App Store, que oferece milhares de aplicativos. Essas ferramentas, pagas ou gratuitas, dão novas funções ao telefone celular.

Como funciona a assistência técnica no Brasil?

O site oficial da Apple para o iPhone no Brasil diz que a assistência técnica do aparelho deve ser feita via operadoras. A garantia é de um ano e a assistência só está disponível no país de compra – se o seu aparelho foi adquirido nos EUA, por exemplo, ele não poderá ser consertado “oficialmente” no Brasil.

iPhone 3G esgota vendas nos USA

Febre. iPhone 3G esgota em pontos de venda da AT&T e site lança mapa de buscas de lojas da Apple

O Globo Online

O iPhone 3G, lançado na última sexta-feira, já está esgotado nas lojas da AT&T, a única operadora credenciada para vender o smartphone da Apple nos Estados Unidos. O site CNet.com entrou em contato com 50 lojas em 21 cidades de 11 diferentes estados do país e nenhuma delas tinha qualquer um dos três modelos para vender. A espera para quem quer comprar o celular chega a 21 dias. Segundo o site, nas lojas da AT&T em Los Angeles e Denver os funcionários atendem o telefone falando “Bem-vindo à nova AT&T, nós estamos atualmente sem iPhones, como posso ajudá-lo?”.

Um representante da AT&T teria afirmado que a maioria dos celulares foi vendida na própria sexta-feira, por causa do grande número de pré-vendas. Como a operadora não tem estoques, as vendas estão sendo feitas, mas o usuário deve pagar pelo iPhone 3G e aguardar o contato da loja, que avisará quando o produto estiver disponível. A maioria das lojas contactadas pela CNet disse que o prazo varia entre 10 e 21 dias.

Com o produto esgotado na AT&T, a melhor maneira de encontrar o smartphone nos Estados Unidos é procurar lojas da própria Apple. Algumas delas ainda tem o aparelho em estoque, mas as filas de espera para a compra variam de uma hora e meia a quatro horas. No entanto, quem estiver pela América e precisar muito de um iPhone 3G pode apelar para o site de ” Busca de Disponibilidade de iPhone “.

A página, criada pelo Webmonkey, mostra num mapa onde fica a loja da Apple mais perto com um iPhone à venda. Basta informar o modelo desejado (8GB preto, 16GB branco ou 16GB preto) e a cidade, CEP ou endereço completo. O aplicativo usa os dados divulgados pela própria Apple em relação a disponibilidade do iPhone em suas lojas.

Segundo o Webmonkey, na quarta-feira o smartphone estava esgotado em 23 dos 38 estados em que a Apple tem lojas. O modelo mais difícil de se encontrar é o de 16 GB, preto, que estava disponível em apenas 12 das 188 lojas Apple nos Estados Unidos. Os melhores lugares para se conseguir o produto, ainda segundo o site, eram o sul da Califórnia e a Flórida.