Georg Trakl – Poesia – 21/01/23

Boa noite Helian Georg Trakl Nos solitários momentos do espírito É bom caminhar ao sol Rente aos muros amarelos do verão. Os passos soam discretos na grama; mas dorme ainda O filho de Pã no mármore cinzento. À noite na varanda nos embriagamos de vinho escuro. O pêssego arde avermelhado na folhagem; Doce sonata, riso […]

Leia mais… from Georg Trakl – Poesia – 21/01/23

Georg Trakl – Versos na tarde – 17/02/2017

Grodek Georg Trakl¹ Ao entardecer as armas da morte Ressoam nas florestas outonais, as planícies douradas E os lagos azuis, por cima, o sol rola, sombrio; A noite abraça os guerreiros moribundos, O lamento selvagem de suas bocas quebradas. Mas o sossego concentra nuvens vermelhas Entre os salgueiros, onde mora um deus feroz, O sangue […]

Leia mais… from Georg Trakl – Versos na tarde – 17/02/2017

Georg Trakl – Versos na tarde

Calma e Silêncio Georg Trakl¹ Pastores enterraram o sol na floresta nua. Um pescador puxou a lua Do lago gelado em áspera rede. No cristal azul Mora o pálido Homem, o rosto apoiado nas suas estrelas; Ou curva a cabeça em sono purpúreo. Mas sempre comove o vôo negro dos pássaros Ao observador, santidade de […]

Leia mais… from Georg Trakl – Versos na tarde