Fórmula UM: GP da Alemanha

História da Fórmula 1 – GP de Hockheim
Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,Maria Teresa de Filippis,1958,GP Alemanha,Maserati 250F,Hockheim,Blog do MesquitaMaria Teresa de Filippis – Maserati 250F
Primeira Mulher a Competir na F1, 1958

Primeira Vitória de Barrichello na F1,2000

Acidente Burti, no ar, e Schumi, 2001 Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,Burti,2001,GP Alemanha,Hockheim,Blog do Mesquita

Patrick Tambay – Ferrari 162C2,1982 Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,Ferrari 162C2,Patrick Tambay,GP Alemanha,Hockheim,1982,Blog do Mesquita

JJLetho,Matra,2000 Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,JJLetho,Matra,GP Alemanha,Hockheim,2000,Blog do Mesquita

Jordan,1997 Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,Jordan,1997,GP Alemanha,Hockheim,2000,Blog do Mesquita
Felipe Massa, Williams, 2014
Williams Formula One driver Felipe Massa of Brazil crashes with his car in the first corner after the start of the German F1 Grand Prix at the Hockenheim racing circuit, July 20, 2014. REUTERS/Kai Pfaffenbach (GERMANY - Tags: SPORT MOTORSPORT F1 TPX IMAGES OF THE DAY) ORG XMIT: KAI02

Phill Hill, Ferrari,1963Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,GP Alemanha,Hockheim,Blog do Mesquita

Vittorio Brabilla,1976 Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,GP Alemanha,Hockheim,Blog do Mesquita,Vittorio Brambilla,1976

Brian Redman – De Tomaso 505,1970 Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,GP Alemanha,Hockheim,Blog do Mesquita,De Tomaso 505,Brian Redman,1970

Jean-Pierre Jarier, Gitanes Ligier-Ford JS21, 1983 Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,GP Alemanha,Hockheim,Blog do Mesquita,Jean-Pierre Jarier, Gitanes Ligier-Ford JS21, 1983

Jim Clark, Denny Hulme, Jackie Stewart, Dan Gurney,1967 Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,GP Alemanha,Hockheim,Blog do Mesquita,Jim Clark, Denny Hulme, Jackie Stewart, Dan Gurney,1967

Jim Clark,Lotus,1963 Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,GP Alemanha,Hockheim,Blog do Mesquita,Jim Clark,Lotus,1963

Jochen Rindt,Lotus,1970 Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,GP Alemanha,Hockheim,Blog do Mesquita,Jochen Rindt,1970

Michelle Alboreto, Nigel Mansell, 1985 Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,GP Alemanha,Hockheim,Blog do Mesquita,Michelle Alboreto, Nigel Mansell, 1985

Ayrton Senna, Candy Toleman-Hart TG184, 1984Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,GP Alemanha,Hockheim,Blog do Mesquita,Ayrton Senna, Candy Toleman-Hart TG184, 1984

Ayrton Senna,MC Laren Honda,1991
Esporte,Automobilismo,Fórmula UM,F1,GP Alemanha,Hockheim,Blog do Mesquita,Ayrton Senna,1991


[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo]

Red Bull vai testar nova proteção de cockpit em treino livre

Equipe apresentará alternativa ao criticado sistema Halo já testado pela Ferrari.

Red Bull vai testar nova proteção de cockpit em treino livre

A Red Bull irá correr com o seu sistema de proteção de cockpit em uma volta de instalação durante a sexta-feira de treinos livres para Grande Prémio da Rússia, confirmou nesta quinta-feira a equipe.

A organização baseada em Milton Keynes tem trabalhado duro na sua alternativa para o Halo, com testes estáticos tendo ocorrido durante a última semana para entender melhor como ele vai funcionar.

Sebastian Vettel, Ferrari SF16-H running the Halo cockpit cover
Sebastian Vettel, Ferrari SF16-H running the Halo cockpit cover
Red Bull Halo concept
A possible future semi-closed canopy design by Red Bull
A possible future semi-closed canopy design by Red Bull

Embora o teste de conceito provavelmente continue durante os próximos meses, a equipe quer testar o sistema em um carro para que se possa avaliar tanto a visibilidade do piloto como a opinião do fã.

Um dos problemas com o Halo – que foi testado pela Ferrari nos testes de pré-temporada – foi que os fãs não gostaram da aparência.

A Red Bull acredita que sua opção- que tem um pilar central – será mais popular.

O diretor de prova da FIA, Charlie Whiting, deixou claro na semana passada, no entanto, que a palavra final sobre qual projeto seria usado a partir de 2017 teria a segurança como parâmetro.

No entanto, se ambos protegessem bem os pilotos de forma igual, então o projeto da Red Bull poderia obter a preferência se as equipes preferirem sua aparência.

“Pessoalmente, eu diria que é esteticamente mais agradável a solução (da Red Bull)”, disse Whiting. “Mas é apenas uma questão de gosto”.

“No entanto, se ambas as soluções funcionarem igualmente bem em testes, eu ficaria surpreso se houver um enorme desejo de manter o Halo.”

A Red Bull ainda não decidiu qual piloto correrá com a proteção de cockpit.

Raikkonen tem em Spa sua maior chance para finalmente vencer Alonso

Se existe uma pista onde Kimi Raikkonen pode, finalmente, mostrar-se mais eficiente que o companheiro de Ferrari, Fernando Alonso, é Spa-Francorchamps.Ampliar

Não há dúvida de que o finlandês vai começar os treinos livres do GP da Bélgica com uma motivação extra. Seu melhor resultado até agora este ano foi um sexto lugar, na última corrida realizada, dia 27, na Hungria. Já Alonso chegou duas vezes ao pódio, terceiro na China e segundo na Hungria.

O fator que pode redimensionar o fim de semana de Raikkonen é o seu retrospecto notável no lendário circuito belga, o preferido de alguns dos maiores pilotos de todos os tempos, como Jim Clark, Ayrton Senna e Michael Schumacher.

Os números de Alonso nos ultrasseletivos 7004 metros de Spa, contudo, são muito modestos.[ad name=”Retangulo – Anuncios – Direita”]

“É a minha pista favorita”, afirmou o finlandês, nesta quinta-feira, em Spa. “É um dos únicos traçados antigos que sobreviveram, com suas curvas largas, rápidas, longas retas. É sempre um prazer correr aqui.”

O campeão do mundo de 2007 venceu quatro vezes o GP da Bélgica, em Spa. Em 2004 e 2005, com McLaren-Mercedes, e 2007 e 2009, Ferrari. Como em 2006 a prova não foi disputada, Raikkonen foi primeiro em quatro de cinco edições seguidas. Falhou apenas 2008, ao perder o controle da Ferrari a duas voltas do fim, sob chuva, quando lutava pela vitória com Lewis Hamilton, da McLaren-Mercedes.

“Esse é um circuito onde o piloto pode ainda fazer diferença”, comentou o finlandês. Mas a exemplo de Alonso procurou, nesta quinta-feira, reduzir as esperanças da torcida. “Acredito que este GP e o próximo (o da Itália, em Monza, dia 7) devam ser os mais difíceis para nós. São duas pistas onde é preciso ter elevada velocidade no fim das retas e esse é um dos nossos pontos fracos.”

O curioso nesse confronto entre os pilotos da Ferrari em Spa é que Alonso é uma unanimidade, considerado o mais completo do grid. Mas seu histórico no traçado mais seletivo do calendário, ao lado de Suzuka, no Japão, é surpreendentemente fraco.

O espanhol nunca largou sequer na primeira fila no GP da Bélgica, nas dez edições da prova que disputou. Em corrida, ainda não venceu na F1. Os melhores resultados foram duas segundas colocações, em 2005, com Renault, e 2013, Ferrari. Em 2007, com McLaren-Mercedes, foi terceiro. Em 2000, obteve em Spa a sua única vitória na Fórmula 3000, antecessora da GP2, sob chuva.

“É um circuito que adoro”, afirmou Alonso, sem apreciar a lembrança da falta de resultados. “E esse ano é muito difícil que possamos lutar pela vitória também.” O clima poderia ser um fator capaz de mudar a ordem lógica de forças para as 44 voltas da corrida, dando a Ferrari alguma chance de uma grande surpresa. “Mas há boa possibilidade de chover apenas no sábado”, disse Alonso.

Outros pilotos excepcionais da F1 têm em Spa retrospecto compatível com a sua fama. Michael Schumacher celebrou a vitória seis vezes, 1992, 1995, 1996, 1997, 2001 e 2002; Ayrton Senna, cinco, 1985, 1988, 1989, 1990 e 1991; Jim Clark, quatro, de 1962 a 1965.

De volta à luta particular entre Raikkonen e Alonso na Ferrari, um bom resultado do finlandês pode até afastar de vez o risco, existente, de ser dispensado pela equipe no fim do ano. Já foi em 2009. A razão é a enorme diferença entre a sua produção e a de Alonso.

Depois de 11 etapas, este ano, Raikkonen soma 27 pontos, é o 12.º no Mundial, enquanto o espanhol tem 115, quarto. São nada menos de 88 pontos a mais.

Os dois lembraram nesta quinta-feira que os 22 pilotos do grid terão um desafio a mais este ano: o novo regulamento reduziu significativamente a capacidade de os carros gerarem pressão aerodinâmica.

E a Pirelli passou a produzir pneus mais duros, com maior autonomia, mas menos aderência, apesar da escolha surpreendente ousada para Spa, médios e macios. Esperava-se que fossem os duros e médios, por causa da elevada solicitação de carga das curvas velozes e longas.

“Será difícil contornar algumas curvas flat out (acelerador no curso máximo), como fazíamos antes”, afirmou Raikkonen. Mas a estatística prova que ele é um especialista em Spa.
Livio Oricchio/Do UOL, em Spa (Bélgica)

Ferraris raras vão a leilão

Você aí, abestalhado Tupiniquim, depois de pagar todas as passagens dos governadores, deputados e senadores brasileiros — além, é claro, de suas (deles) mães, filhos, esposas, avós, vizinhas, amigas, namoradas, amantes, flanelhinhas, jornalistas, etc. —, ainda estiver com um dinheirinho sobrando, que tal tentar arrematar uma destas belezuras?

Carro que disputou as 24 horas de Le Mans vale US$ 15,5 milhões.

Modelos antigos da Maserati também estarão à venda.

Automóveis,Ferrari 330 p4,DesignA Ferrari vai leiloar um raro exemplar do carro 330 P4 de 1967
Clique na imagem para ampliar

Automóveis,Design,Ferrari 250 GT California,Maserati 250F,Ferrari 500Clique na imagem para ampliar
Ferrari 250 GT California, de 1959 – Maserati 250F Grand Prix de 1956 – Ferrari 500 Superfast de 1965

Entre as preciosidades que estarão à venda está uma Ferrari 500 Superfast de 1965, avaliada em 12 milhões de euros (US$ 15,5 milhões). O veículo, que disputou as 24 Horas de Le Mans e também correu em Monza.

Quem não quiser gastar tanto terá de pagar pelo menos 2 milhões de euros (US$ 2,58) por um exemplar da Ferrari 250 GT California de 1959, que conta com motor V12 3,0 litros de 240 cavalos. Também irá a leilão um monoposto Maserati 250F Grand Prix de 1956, que foi pilotada por Juan Manuel Fangio. O lance inicial começa por 1,7 milhão de euros (US$ 2,2 milhões).

Outra raridade é lendário modelo de corrida Ferrari 250 Testa Rossa 1957. Somente 22 unidades do foram fabricadas e esta é a primeira a ir a leilão.

Automóveis,Ferrari250 Testa RossaClique na imagem para ampliar
O lendário modelo de corrida Ferrari 250 Testa Rossa 1957 será leiloado
(Fotos: Darin Schnabel/PRNewsFoto / RM Auctions/AP)


[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo]

Fórmula UM, Felipe Massa e a Ferrari

Sempre o segundo Blog do MesquitaNada de conspiração da Ferrari.

Massa sabe que caso queira continuar usando o macacão vermelho, será sempre o segundo piloto. Quem acompanha o ‘negócio’ da F1 sabe disso.

Exceto, parece, o locutor falastrão, que deve achar que a Ferrari conspirou para a eleição do Papa, e, até quem sabe, pra derrota do Brasil na copa de 1950 no Maracanã.

Ou como respondeu o assessor de Bill Clinton ante o espanto do então Presidente dos USA a respeito de fatos da geopolítica:
“É a economia, estúpido”.

Tópicos do dia – 07/05/2012

08:48:37
Revista Veja e as ligações perigosas com Carlos Cachoeira.

Domingo Espetacular mostra a influência de Carlinhos Cachoeira sobre a revista Veja
O jornalístico da Record teve acesso às gravações de telefonemas entre o bicheiro Carlinhos Cachoeira, preso acusado por 15 crimes de contravenção, o diretor da revista Veja em Brasília, Policarpo Júnior, e mostra o esquema em que o contraventor controlava o que seria publicado na principal revista da editora Abril.

Os documentos a que o Domingo Espetacular teve acesso com exclusividade trazem provas de que as informações trocadas entre Cachoeira e o diretor da Veja resultaram ao menos em cinco capas da revista de maior circulação do país.

As gravações registram ainda que a influência esbarra em outras esferas do poder, como na pressão para demissão da cúpula do Ministério dos Transportes, que havia se desentendido com um dos aliados do contraventor, a construtota Delta. Por meio do que Cachoeira passava para ser publicado na Veja, vários funcionários do ministério foram afastados.

Cachoeira se orgulha de “plantar” notícias na Veja em benefício próprio e sabe até quando determinadas matérias sairão.

16:00:24
Ferrari do filho de Eike Batista é apreendida no Rio
O filho mais velho do empresário Eike Batista, Thor Batista, de 20 anos, teve o carro apreendido neste domingo em uma blitz do Detran na Barra da Tijuca, região oeste do Rio de Janeiro. A Ferrari modelo 458 estava sem a placa dianteira, o que é proibido pelo Código de Trânsito Brasileiro. A apreensão ocorreu por volta das 15 horas na Avenida Ayrton Senna.

Thor Batista foi escoltado até o depósito do Detran de Curicica, em Jacarepaguá, para que o carro fosse retido. De acordo com o Detran, o procedimento é previsto na legislação, uma vez que o carro, por ser muito baixo, poderia ser danificado caso fosse rebocado. O herdeiro de Eike Batista precisará regularizar o emplacamento do carro para retirar o veículo do depósito.

Filho mais velho do empresário com a modelo Luma de Oliveira, Thor tem um histórico de problemas no trânsito. Ele ainda aguarda a conclusão do inquérito sobre o atropelamento do ciclista Wanderson Pereira dos Santos, de 30 anos, em março. O ajudante de caminhão morreu ao ser atingido pela Mercedes de Thor ao atravessar a rodovia Washington Luís, na altura de Xérem, na Baixada Fluminense.

Na época, a família acusou o filho de Eike Batista de estar em alta velocidade e de trafegar pelo acostamento. De acordo com o laudo pericial, a vítima estava atravessando a pista quando foi atingido pelo veículo dirigido por Thor. A Polícia Civil ainda não apresentou o laudo conclusivo sobre a velocidade do carro de Thor no momento do atropelamento. Ele negou que estivesse correndo e o teste do bafômetro indicou que Thor não havia ingerido álcool.

Thor também se envolveu no atropelamento de um idoso de 86 anos na Barra da Tijuca, na zona sul do Rio, em 2011. Ele dirigia um Audi quando atingiu o idoso que andava de bicicleta pela orla do bairro. Na época, a vítima não quis prestar queixa contra Thor, que teria prestado auxílio. O caso só foi revelado após o acidente envolvendo o ciclista Wanderson Pereira dos Santos.
Antonio Pitta/Agência Estado


[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo]