Bertold Bretch – Versos na tarde – 18/08/2016

Poema
Bretch¹

Assim se faz o homem:
dizendo sim e dizendo não,
batendo e apanhando,
unindo-se a uns aqui, a outros acolá.
Assim se faz o homem: transformando-se:
assim e forma em nós a sua imagem,
igual à nossa, no entanto diversa.

¹Bertold BRECHT
* Augsburg, Alemanha – 10 de Fevereiro de 1898 d.C
+ Berlim, Alemanha – 14 de Agosto de 1956 d.C

>> biografia de Bretch


[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo]

Bertold Bretch – Versos na tarde – 29/01/2015

Poema
Bertold Brecht ¹

Há uma rosa linda no meio do meu jardim
Dessa rosa cuido eu, quem cuidará de mim?
De manhã desabrochou, a tarde foi escolhida
pra de noite ser levada de presente à minha amiga

Feliz de quem possui uma rosa em seu jardim
A minha amiga com certeza pensa agora só em mim
Quando sopra o vento frio e o inverno gela o jardim
Eu tenho calor em casa e fico quietinho assim

Feliz de quem tem o seu teto pra ajudar a sua amiga
a fugir do vento ruim que deixa gelado o jardim.

Tradução: Augusto Boal

¹ Bertold Brecht
* Augsburg, Alemanha – 10 de Fevereiro de 1898 d.C
+ Berlim, Alemanha – 14 de Agosto de 1956 de 1956 d.C
>>> biografia

Bradesco e Itaú apresentam lucros estratosféricos

“Crime não é roubar um banco mas fundar um”. O velho Bretch¹, o Bertold, tinha razão.

Nunca na história desse país…. os lucros bancários foram tão indecentementes inacreditáveis, por exorbitantes.

O Bradesco anunciou o lucro no primeiro trimestre de 2 BILHÕES!!!

O Itaú anunciou seu lucro no trimestre 2 BILHÕES!!!

Argh!


A Exceção e a Regra
Bertold Bretch
Estranhem o que não for estranho.
Tomem por inexplicável o habitual.
Sintam-se perplexos ante o cotidiano.
Tratem de achar um remédio para o abuso.
Mas não se esqueçam
de que o abuso é sempre a regra.

Biografia de Bertold Bretch