PSDB, Partidos Políticos brasileiros e o duplipensar


Duas caras Blog do MesquitaContinua, sei é inglório o discurso acerca, a me impressionar o nível de desonestidade intelectual dos partidos políticos brasileiros.

Todos esses “ajuntamentos” de interesseiros praticam com requinte cirúrgico a canalhice do duplipensar¹.

Quando do início do programa “Mais médicos” – e aqui não me detenho no mérito do programa por não ser minha seara a avaliação da validade ou não das políticas públicas de saúde – os partidos de oposição ao governo federal, desfiaram, através de seus parlamentares através de veemente discursos das tribunas legislativas bem como através de todas as mídia disponíveis, suas (deles) condenações ao programa.

Entre os argumentos utilizados por tucanos de alta plumagem como o Senador Álvaro Dias, estava a acusação segundo a qual o programa “Mais Médicos” estava “subtraindo” – a oratória desse senador é prenhe de sofismas – empregos de profissionais médicos brasileiros. Novamente não entro no mérito objetivo desse argumento.

Agora chego ao ponto; no sul do Brasil, segundo informe da Folha de S. Paulo, trabalhadores são “importados” do Uruguai para suprir carências de mão de obra em diversos setores da economia. O mesmo jornal informa que o Paraná está importando caminhoneiros da Colômbia. Uáu!

Até esse momento não li nem ouvi nenhuma estrela do PSDB reverberar absolutamente nada contra essa usurpação de postos de trabalho de brasileiros.

O PSDB também não manifestou nenhum interesse, como agiu em relação ao programa dos médicos estrangeiros, nem exigiu nenhuma investigação para determinar se existem, ou não, intermediações, e se as há, de que tipo nessas importações de mão de obra, nem muito menos se há perda de remuneração em relação aos salários dos trabalhadores brasileiros, nem se existe alguma perda nesses salários em favor dos intermediários.

Fica a impressão que se o trabalhador importado não for cubano, nada há de significativo para que o poleiro se agite.

¹Duplipensar é o ato de aceitar simultaneamente duas crenças contraditórias como corretas, muitas vezes de distintos contextos. O duplipensar é irmão siamês da hipocrisia e da imparcialidade. Uso um léxico mais próximo dos cientista sociais está relacionado é um dissonância cognitiva, onde dois argumentos causam conflito.


[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo]

Postado na categoria: Comportamento, Economia - Palavras chave: , , , , , ,