• mqt_for@hotmail.com
  • Brasil

PSDB, Partidos Políticos brasileiros e o duplipensar

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Duas caras Blog do MesquitaContinua, sei é inglório o discurso acerca, a me impressionar o nível de desonestidade intelectual dos partidos políticos brasileiros.

Todos esses “ajuntamentos” de interesseiros praticam com requinte cirúrgico a canalhice do duplipensar¹.

Quando do início do programa “Mais médicos” – e aqui não me detenho no mérito do programa por não ser minha seara a avaliação da validade ou não das políticas públicas de saúde – os partidos de oposição ao governo federal, desfiaram, através de seus parlamentares através de veemente discursos das tribunas legislativas bem como através de todas as mídia disponíveis, suas (deles) condenações ao programa.

Entre os argumentos utilizados por tucanos de alta plumagem como o Senador Álvaro Dias, estava a acusação segundo a qual o programa “Mais Médicos” estava “subtraindo” – a oratória desse senador é prenhe de sofismas – empregos de profissionais médicos brasileiros. Novamente não entro no mérito objetivo desse argumento.

Agora chego ao ponto; no sul do Brasil, segundo informe da Folha de S. Paulo, trabalhadores são “importados” do Uruguai para suprir carências de mão de obra em diversos setores da economia. O mesmo jornal informa que o Paraná está importando caminhoneiros da Colômbia. Uáu!

Até esse momento não li nem ouvi nenhuma estrela do PSDB reverberar absolutamente nada contra essa usurpação de postos de trabalho de brasileiros.

O PSDB também não manifestou nenhum interesse, como agiu em relação ao programa dos médicos estrangeiros, nem exigiu nenhuma investigação para determinar se existem, ou não, intermediações, e se as há, de que tipo nessas importações de mão de obra, nem muito menos se há perda de remuneração em relação aos salários dos trabalhadores brasileiros, nem se existe alguma perda nesses salários em favor dos intermediários.

Fica a impressão que se o trabalhador importado não for cubano, nada há de significativo para que o poleiro se agite.

¹Duplipensar é o ato de aceitar simultaneamente duas crenças contraditórias como corretas, muitas vezes de distintos contextos. O duplipensar é irmão siamês da hipocrisia e da imparcialidade. Uso um léxico mais próximo dos cientista sociais está relacionado é um dissonância cognitiva, onde dois argumentos causam conflito.


[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo]

José Mesquita

José Mesquita

Pintor, escultor, gravador e "designer". Bacharel em administração e bacharel em Direito. Pós-graduado em Direito Constitucional. Participou de mais de 150 exposições, individuais e coletivas, no Brasil e no exterior. Criador e primeiro curador do Prêmio CDL de Artes Plásticas da Câmara de Dirigentes Lojista de Fortaleza e do Parque das Esculturas em Fortaleza. Foi membro da comissão de seleção e premiação do Salão Norman Rockwell de Desenho e Gravura do Ibeu Art Gallery em Fortaleza, membro da comissão de seleção e premiação do Salão Zé Pinto de Esculturas da Fundação Cultural de Fortaleza, membro da comissão e seleção do Salão de Abril em Fortaleza. É verbete no Dicionário Brasileiro de Artes Plásticas e no Dicionário Oboé de Artes Plásticas do Ceará. Possui obras em coleções particulares e espaços públicos no Brasil e no exterior. É diretor de criação da Creativemida, empresa cearense desenvolvedora de portais para a internet e computação gráfica multimídia. Foi piloto comercial, diretor técnico e instrutor de vôo do Aero Clube do Ceará. É membro da National American Photoshop Professional Association, Usa. É membro honorário da Academia Fortalezense de Letras.

Gostou? Deixe um comentário