Octávio Paz – Versos na tarde


Irmandade
Octavio Paz ¹

Sou homem: duro pouco
e é enorme a noite.
Porém olho para cima:
as estrelas escrevem.
Sem entender compreendo:
também sou escritura
e neste mesmo instante
alguém me soletra.

Tradução de Maria Teresa Almeida Pina

¹ Octavio Paz
* Cidade do México, México – 31 de Março de 1914 d.C
+ Cidade do México, México – 20 de Abril de 1998 d.C

[ad#Retangulo – Anuncios – Duplo]


Você pode se interessar também sobre: Alphonsus de Guimaraens Filho – Frase do dia – 08/03/2016


Postado na categoria: Literatura - Palavras chave: , ,

Leia também:

Luis Dolhnikoff - Versos na tarde - 18/12/2016
Luis Dolhnikoff - Versos na tarde - 18/12/2016

Não deu Luis Dolhnikoff ¹ Não deu a revolução não deu em nada a poesia não deu em nada a televisão não deu em nada o rock´n roll não deu...

December 18, 2016, 9:00 pm
Sophia de Mello Breyner - Frase do dia
Sophia de Mello Breyner - Frase do dia

“Num deserto sem água, numa noite sem lua, numa terra nua, por maior que seja o desespero, nenhuma ausência é mais profunda que a tua!” Sophia de Mello Breyner

December 4, 2011, 10:02 am
Luís Roberto Barroso - Frase do dia - 04/07/2016
Luís Roberto Barroso - Frase do dia - 04/07/2016

"No Brasil há os invisíveis por pobreza e os impunes por riqueza" Luís Roberto Barroso Ministro do STF

July 4, 2016, 10:00 am
Viki King - Frases do dia - 25/12/2014
Viki King - Frases do dia - 25/12/2014

"Você não será feliz com mais até ser feliz com o que você já tem." Viki King

December 25, 2014, 10:02 am
Mário Quintana - Frase do dia - 02/09/2016
Mário Quintana - Frase do dia - 02/09/2016

"Tão bom morrer de amor! e continuar vivendo..." Mário Quintana

September 2, 2016, 10:00 am
Artur da Távola - Versos na tarde - 29/03/2014
Artur da Távola - Versos na tarde - 29/03/2014

Tempo Artur da Távola ¹ Hoje eu sou poesia, Pedaço de nuvem Nas mãos do teu dia. Eu sou amargura, Espaço de espanto Num céu de loucura. Hoje eu quero...

March 29, 2014, 9:00 pm