Octávio Paz – Versos na tarde – 10/01/2015


Todos os dias te descubro…
Octavio Paz ¹

Todos os dias descubro
A espantosa realidade das coisas:
Cada coisa é o que é.
Que difícil é dizer isto e dizer
Quanto me alegra e como me basta
Para ser completo existir é suficiente.
Tenho escrito muitos poemas.
Claro, hei de escrever outros mais.
Cada poema meu diz o mesmo,
Cada poema meu é diferente,
Cada coisa é uma […]

¹ Octavio Paz
* Cidade do México, México – 31 de Março de 1914 d.C
+ Cidade do México, México – 20 de Abril de 1998 d.C


[ad name=”Retangulo – Anuncios – Duplo”]


Você leu?: 30 anos depois, ‘O Conto da Aia’ está mais próximo da realidade


Postado na categoria: Literatura - Palavras chave: , , , ,

Leia também:

Neide Archanjo - Já não há cíclopes
Neide Archanjo - Já não há cíclopes

...nem criaturas dormindo de olho aberto

September 19, 2019, 8:00 pm
Shakespeare - Soneto I
Shakespeare - Soneto I

Mas tu, contrito aos teus olhos claros

August 23, 2019, 5:00 pm
Brecht - Louvor de Aprender - Poesia
Brecht - Louvor de Aprender - Poesia

Não te acanhes de perguntar, companheiro!

August 29, 2019, 7:00 pm
Rousseau - O ciclo do progresso
Rousseau - O ciclo do progresso

Da sociedade e do luxo que ela engendra, nascem as artes liberais

August 28, 2019, 8:42 pm
Walt Whitman - Frase do dia
Walt Whitman - Frase do dia

Quanto a mim, o melhor governo...

August 27, 2019, 6:31 pm
Vergílio Ferreira - No fundo somos bons mas abusam de nós
Vergílio Ferreira - No fundo somos bons mas abusam de nós

Os próprios vícios vêm da sua ingenuidade

September 19, 2019, 7:03 pm