O ajuste fiscal e a interinidade de Michel Temer


Em cerca de duas semanas o Brasil terá novo governo, pois o Senado deve aprovar o afastamento de Dilma Rousseff.

O ajuste fiscal e a interinidade de Michel Temer

Prazo de validade

André Singer – Folha de S. Paulo

O vice, no entanto, assume em condições inéditas, pois o julgamento da atual presidente, em até 180 dias, acabará por ser, também, um veredito sobre a própria interinidade de Michel Temer.

A sorte pode resolver os complicados problemas postos para o líder do PMDB, mas trata-se de verdadeira, passe o trocadilho, temeridade contar com ela.[ad name=”Retangulo – Anuncios – Direita”]

E até aqui, nada indica a existência de plano razoável para evitar que novo ajuste fiscal aprofunde a recessão; que a Operação Lava Jato atinja o interino na Presidência; que a proximidade com Eduardo Cunha macule ainda mais a imagem do homem que traiu Dilma.

O senador José Serra (PSDB-SP), óbvio candidato à Presidência, apresentou-se para realizar a difícil missão de produzir rápida retomada do crescimento sem perder o apoio do “mercado”.


Você leu?: Agrotóxicos sem orientação põe agricultores brasileiros em risco


Se desse certo, Temer teria carimbado o passaporte para ficar até 2018 e o ex-governador paulista, por sua vez, repetiria a trajetória de Fernando Henrique Cardoso com o real. Ambos ganhariam.

O voo do tucano, contudo, foi abatido pelo veto do seu colega de partido,Geraldo Alckmin, e pelo medo do próprio Temer de desagradar as finanças.

Ao escolher Henrique Meirelles, vinculado aos bancos, opta pela proposta de fazer cortes estruturais que irão deprimir mais a atividade econômica, em busca das chamadas “condições fiscais sustentáveis”.

A guerra de classes promete esquentar, pois as tesouradas incidirão diretamente sobre o bolso e os direitos dos trabalhadores.

Além disso, livre do fardo de ter que defender uma política indefensável, o PT trará o discurso classista à tona, voltando a ter o que dizer na disputa pelas prefeituras. Como ficará o ânimo popular, quando perceber que os empregos continuam a sumir?

Enquanto isso, acusações como a de que a campanha do presidente interino recebeu propina de R$ 1 milhão em 2014, segundo afirmou um dos donos da Engevix; ou de que o peemedebista indicou diretor corrupto da Petrobras; ou de que foi beneficiário de pagamento de R$ 5 milhões, conforme disse um dos sócios da OAS, continuarão no noticiário.

Qualquer iniciativa de aplacar a sanha da República de Curitiba, como foi o virtual convite a um dos advogados de acusados para ocupar a pasta da Justiça, pode ter resultado bumerangue.

As revelações voltarão mais fortes.

Para completar, existe a sombra do aliado Eduardo Cunha.

Trata-se do clássico caso em que o executor do trabalho sujo precisa ser eliminado, pois ameaça conspurcar a reputação do mandante.

A quem achou que o domingo 17 representava o fim da crise, recomenda-se reforçar o estoque de Rivotril.

Postado na categoria: Brasil, Economia, Política - Palavras chave: , , , , , , , , , , , , , , ,

Leia também:

Ministério da Educação tentou censurar a Wikipédia
Ministério da Educação tentou censurar a Wikipédia

O verbete sobre Weintraub foi criado em 8 de abril deste ano

September 6, 2019, 5:58 pm
Brasil vê posição de fornecedor global de alimentos ameaçada
Brasil vê posição de fornecedor global de alimentos ameaçada

Empresas internacionais anunciam não comprar soja da Amazônia desmatada

September 19, 2019, 11:49 am
Os entraves à punição de crimes ambientais no Brasil
Os entraves à punição de crimes ambientais no Brasil

...lentidão do Judiciário e recursos infindáveis movidos por infratores contribuem

August 29, 2019, 12:43 pm
E se a Amazônia acabar?
E se a Amazônia acabar?

A Amazônia tem alguns papéis importantes com consequências mundiais.

September 2, 2019, 11:20 am
Por que quase metade do Brasil não tem acesso a rede de esgoto
Por que quase metade do Brasil não tem acesso a rede de esgoto

Apenas 52,4% dos brasileiros têm acesso à rede de esgoto

August 26, 2019, 12:48 pm
Alemanha quer banir o glifosato até 2023
Alemanha quer banir o glifosato até 2023

Glifosato é usado para matar ervas daninhas

September 5, 2019, 11:10 am