Novo processador baseado em DNA pode resolver problemas matemáticos complexos

Novo processador baseado em DNA pode resolver problemas matemáticos complexos: cientistas da Universidade Nacional de Incheon, na Coréia, desenvolveram um chip microfluídico baseado em DNA programável que pode ser controlado por um PC comum. CPUs baseadas em DNA tem o potencial de substituir CPUs eletrônicas no futuro porque consomem menos energia e fornecem uma plataforma para soluções de deep learning e modelagem matemática. As informações são do site ScienceDaily.

Mais artigos