Miguel Torga – Poesia


Intimidade
Miguel TorgaMiguel Torga,Poesia.Literatura,Blog do Mesquita
 
Meu coração tem quantos versos quer;
É só pulsá-los com medida e rumo.
É só erguer-se a pino a um céu qualquer,
E desse alado azul cair a prumo.
 
Logo se desvanece o negro encanto
Que os tinha ocultos no condão da bruma;
Logo o seu corpo esguio rasga o manto,
E mostra a humanidade que ressuma.
 
Mas quanto ele sangra para os orvalhar
De ternura, de sonho e de ilusão,
São outros versos. . . para segredar
A quem é seu irmão.

Postado na categoria: Literatura, Poesia - Palavras chave: , ,

Leia também:

Willa Cather - Frase do dia - 02/01/2014

"Não se pode adivinhar ou prever as condições que trazem felicidade. Apenas se tropeça nelas." Willa Cather

January 2, 2014, 10:02 am
Jean de la Bruyère - Reflexões na tarde - 03/03/2011

É triste costume, servidão incômoda, correr incessantemente uns atrás dos outros com a impaciência de não se encontrar; não se encontrar senão para dizer futilidades, senão para informar-se reciprocamente de...

March 3, 2014, 9:00 pm
Nietzsche - Frase do dia - 16/08/2017

"Aquele que luta com monstros deve acautelar-se para não tornar-se também um monstro." Nietzsche [ad name="Retangulo - Anuncios - Duplo"]

August 16, 2017, 10:00 am
Mia Couto - Versos na tarde - 09/06/2011

Pergunta-me Mia Couto 1 Pergunta-me se ainda és o meu fogo se acendes ainda o minuto de cinza se despertas a ave magoada que se queda na árvore do meu...

June 9, 2011, 9:00 pm
Walt Whitman - Frase do dia - 13/09/2016

"Contradigo a mim mesmo porque sou vasto." Walt Whitman

September 13, 2016, 10:00 am
Adélia Prado - Versos na tarde 26/10/2016

O Amor no Éter Adélia Prado ¹ Há dentro de mim uma paisagem entre meio-dia e duas horas da tarde. Aves pernaltas, os bicos mergulhados na água, entram e não...

August 26, 2016, 9:00 pm