• mqt_for@hotmail.com
  • Brasil

Mensalão e STF – Dia 25

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Frases do 25º dia do julgamento.
Ação do mensalão é considerada a de maior relevância da história do STF.
Leia o que disseram os ministros do tribunal e os advogados de defesa.

 saiba mais

O Supremo Tribunal Federal (STF) realiza nesta quarta-feira (19) o 24º dia de julgamento da ação penal 470, que reúne os 38 réus do caso do mensalão, considerado o de maior relevância dos 183 anos de história do tribunal.

O ministro do STF Joaquim Barbosa continua a ler seu voto sobre o chamado “núcleo político” do esquema, integrado pelo ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, o ex-presidente do PT José Genoino e o ex-tesoureiro do partido Delúbio Soares, entre outros.[ad#Retangulo – Anuncios – Direita]

Joaquim Barbosa, ministro do STF e relator do processo do mensalão:

“Através da Guaranhuns, Valdemar Costa Neto recebeu 36 cheques e 27 transferências eletrônicas.”

“Jefferson se recursou a informar como utilizou o dinheiro.”

“O mensalão funcionava para dois outros partidos e não são todos os deputados, quero deixar isso claro, não estou generalizando.”

“Sob a presidência de Roberto Jefferson no PTB, o réu Marcos Valério confessou ter realizado pagamentos sob a orientação de Delúbio Soares.”

“Não há recibo em relação ao montante de R$ 4 milhões que Emerson Palmieri e Roberto Jefferson receberam.”

“Ao contrário do que alega a defesa [de Valdemar Costa Neto], houve sim demonstração de pagamento de valores em seu benefício durante o período de dois anos e houve concentração de pagamentos no período de reformas importantes.”

“Na verdade, o réu Valdemar Costa Neto recebeu pessoalmente pagamentos milionários em espécie.”

“Ao ser cobrado perante a CPMI dos Correios, Valdemar Costa Neto disse que no Brasil ‘é fácil obter nota fiscal’.”

“Partidos políticos não são doadores universais de dinheiro para outros partidos políticos.”

“Jacinto Lamas foi efetivamente escolhido por Valdemar Costa Neto para receber as somas pagas pelo PT por mecanismo ilícitos.”

“Ao optar por receber o dinheiro em espécie e em casa, Bispo Rodrigues pôde usar o dinheiro livremente.”

“O objetivo era simular um negócio entre a Guaranhuns e a SMP&B para ocultar o real destinatário do dinheiro, Valdemar Costa Neto.”

“Esses repasses eram feitos semanalmente, às sextas-feiras.”

“Esses repasses não são mera ajuda de campanha, tratam-se de recursos com claros potencial para determinar a continuidade do apoio do PTB ao governo na Câmara dos Deputados”.

“A Guaranhuns servia como um vidro pouco transparente.”

“A estrutura da empresa de Marcos Valério também era usada para ocultar a origem do dinheiro, o Partido dos Trabalhadores.”

“Ora, pagamento nesse montante, em espécie, para um presidente de partido político, com poder de influenciar sua bancada, equivale sem dúvida à prática corrupta.”

“O réu Emerson Palmieri auxiliou tanto Roberto Jefferson quanto Romeu Queiroz a receber recursos do PT”.

“Considero caracterizada a participação de Emerson Palmieri no crime de corrupção passiva”.
G1 

José Mesquita

José Mesquita

Pintor, escultor, gravador e "designer". Bacharel em administração e bacharelando em Direito. Participou de mais de 150 exposições, individuais e coletivas, no Brasil e no exterior. Criador e primeiro curador do Prêmio CDL de Artes Plásticas da Câmara de Dirigentes Lojista de Fortaleza e do Parque das Esculturas em Fortaleza. Foi membro da comissão de seleção e premiação do Salão Norman Rockwell de Desenho e Gravura do Ibeu Art Gallery em Fortaleza, membro da comissão de seleção e premiação do Salão Zé Pinto de Esculturas da Fundação Cultural de Fortaleza, membro da comissão e seleção do Salão de Abril em Fortaleza. É verbete no Dicionário Brasileiro de Artes Plásticas e no Dicionário Oboé de Artes Plásticas do Ceará. Possui obras em coleções particulares e espaços públicos no Brasil e no exterior. É diretor de criação da Creativemida, empresa cearense desenvolvedora de portais para a internet e computação gráfica multimídia. Foi piloto comercial, diretor técnico e instrutor de vôo do Aero Clube do Ceará. É membro da National American Photoshop Professional Association, Usa. É membro honorário da Academia Fortalezense de Letras.

Gostou? Deixe um comentário

José Mesquita

Pintor, escultor, gravador e “designer”.

Bacharel em administração e bacharelando em Direito.

Participou de mais de 150 exposições, individuais e coletivas, no Brasil e no exterior.

Mais artigos

Siga-me