Joaquim Pessoa – Poesia


Os Amantes com Casa
Joaquim Pessoa
 
Andavam pela casa amando-se
no chão e contra as paredes.
Respiravam exaustos como se tivessem
nascido da terra
de dentro das sementeiras.
Beijavam-se magoados
até se magoarem mais.
Um no outro eram prisioneiros um do outro
e livres libertavam-se
para a vida e para o amor.
Vivendo a própria morte
voltavam a andar pela casa amando-se
no chão e contra as paredes.
Então era a música, como se
cada corpo atravessasse o outro corpo
e recebesse dele nova presença, agora
serena e mais pobre mas avidamente rica
por essa pobreza.
A nudez corria-lhes pelas mãos
e chegava aonde tudo é branco e firme.
Aquele fogo de carne
era a carne do amor,
era o fogo do amor,
o fogo de arder amando-se e por toda a casa,
contra as paredes, no chão.
Se mais não pressentissem bastaria
aquela linguagem de falar tocando-se
como dormem as aves.
E os olhos gastos
por amor de olhar,
por olhar o amor.
E no chão
contra as paredes se amaram e
pela casa andavam como
se dentro das sementeiras respirassem.
Prisioneiros libertados, um
no outro eram livres
e para a vida e para o amor se beijaram
magoando-se mais, até ficarem magoados.
E uma presença rica,
agora nova e mais serena,
avidamente recebeu a música que atravessou de
um corpo a outro corpo
chegando às mãos
onde toda a nudez é branca e firme.
Com uma carne de fogo,
incarnando o amor,
incarnando o fogo,
contra o chão das paredes se amaram
pressentindo que
andando pela casa bastaria tocarem-se
para ficarem dormindo
como acordam as aves.

Postado na categoria: Literatura, Poesia - Palavras chave: , ,

Leia também:

Gabriel García Márquez - Frase

“Dou valor às coisas não por aquilo que valem, mas por aquilo que significam” Gabriel García Márquez

June 20, 2018, 9:28 am
Sophia de Mello Breyner Andresen - Versos na tarde - 27/02/2015

É por ti Sophia Andresen¹ É por ti que se enfeita e se consome, Desgrenhada e florida, a Primavera. É por ti que a noite chama e espera És tu...

February 27, 2015, 9:00 pm
Honoré de Balzac - Frase do dia - 15/01/2015

"Talvez não seja a virtude outra coisa senão a urbanidade da alma." Honoré de Balzac

February 15, 2015, 10:02 am
Else Lasker-Schüler - Versos na tarde - 07/08/2017

Uma canção Else Lasker-Schüler ¹ Por detrás dos meus olhos há águas Tenho de as chorar todas. Tenho sempre um desejo de me elevar voando, E de partir com as...

August 7, 2017, 9:00 pm
Gandhi - Frase do dia - 22/08/2013

"O amor tolera; jamais se irrita e nunca exerce vingança." Gandhi

August 22, 2013, 10:02 am
Saramago - Poesia
Saramago - Poesia

Aprendamos, Amor

May 17, 2019, 7:09 pm