Georg Trakl – Versos na tarde – 17/02/2017


Grodek
Georg Trakl¹

Ao entardecer as armas da morte
Ressoam nas florestas outonais, as planícies douradas
E os lagos azuis, por cima, o sol rola, sombrio;
A noite abraça os guerreiros moribundos,
O lamento selvagem de suas bocas quebradas.
Mas o sossego concentra nuvens vermelhas
Entre os salgueiros, onde mora um deus feroz,
O sangue derramado, a frescura lunar;
Todos os caminhos acabam em podridão.
Sob as ramagens douradas da noite e das estrelas
A sombra da irmã cambaleia através
Do silencioso arvoredo para saudar os espíritos dos heróis,
As cabeças ensanguentadas;
E, silenciosas, as escuras flautas do outono ressoam no juncal.
Ó orgulhosa tristeza! E vós altares de bronze,
A chama quente do espírito alimenta hoje uma grande
Dor – os netos não nascidos.

Georg Trakl
* Salzburgo, Áustria, 3 de Fevereiro de 1887
+ Cracóvia, Polônia – 3 de novembro de 1914
[ad name=”Retangulo – Anuncios – Duplo”]

Postado na categoria: Literatura - Palavras chave: , , ,

Leia também:

Clarice Lispector - A Imaginação é a Base do Homem
Clarice Lispector - A Imaginação é a Base do Homem

Porque tudo segue o caminho da inspiração Literatura-Poesia-Frases-Blog do Mesquita -Clarice Lispector

August 1, 2019, 5:10 pm
Vergílio Ferreira - Dizer não
Vergílio Ferreira - Dizer não

Diz NÃO à liberdade que te oferecem...

August 6, 2019, 8:00 pm
Bernard Baruch - Frase do dia
Bernard Baruch - Frase do dia

Todos têm direito de se enganar nas suas opiniões...

July 25, 2019, 1:22 pm
Sá de Miranda - Comigo me desavim
Sá de Miranda - Comigo me desavim

Não posso viver comigo

August 6, 2019, 8:00 pm
Henry Miller - Uma Completa Fome por Ti
Henry Miller - Uma Completa Fome por Ti

Não esperes que continue são. Não vamos ser sensatos.

July 25, 2019, 7:40 pm
Raynaldo Valinho Alvarez - Poesia
Raynaldo Valinho Alvarez - Poesia

A Essência não se Perde

August 8, 2019, 8:05 pm