Garcia Lorca – Poesia


Olhos,Mulher,ColagemTenho Medo de Perder a Maravilha
Federico Garcia Lorca

Tenho medo de perder a maravilha 
de teus olhos de estátua e aquele acento 
que de noite me imprime em plena face 
de teu alento a solitária rosa. Tenho pena de ser nesta ribeira 
tronco sem ramos; e o que mais eu sinto 
é não ter a flor, polpa, ou argila 
para o gusano do meu sofrimento. Se és o tesouro meu que oculto tenho 
se és minha cruz e minha dor molhada, 
se de teu senhorio sou o cão, 

não me deixes perder o que ganhei 
e as águas decora de teu rio 
com as folhas do meu outono esquivo. 

Postado na categoria: Literatura, Poesia - Palavras chave: , ,

Leia também:

Vicente Huidobro - Versos na tarde

Marinho Vicente Huidobro ¹ Aquele pássaro que voa por primeira vez Se afasta do ninho olhando para trás Com o dedo nos lábios eu os chamei Eu inventei jogos de...

October 20, 2010, 9:00 pm
Flora Figueiredo - Versos na tarde - 03/02/2015

Poema Flora Figueiredo ¹ A lembrança é um barbante. Uma ponta amarrada no começo da história, outra, em nosso tornozelo. Se o fio estica muito, mal dá para continuar. É...

February 3, 2015, 9:00 pm
Paul Elouard - Versos na tarde - 07/01/2015

Seus olhos sempre puros Paul Elouard ¹ Dias de lentidão, dias de chuva, Dias de espelhos quebrados e agulhas perdidas, Dias de pálpebras fechadas ao horizonte [ dos mares, De...

January 7, 2015, 9:00 pm
Lia Beltrão - Versos na tarde

Poema Lia Beltrão elementos Ânima lume acende corpos e devasta matas Ânima hálito queima e aquece segundo o desejo Ânima sólida brota safras de lírios e urtigas Ânima líquida jorra...

December 21, 2010, 9:00 pm
José Mesquita - Frase do dia - 20/05/2015

"Muito pobre de espírito aquele já se diz completo." José Mesquita

May 20, 2015, 10:58 am
Francis bacon - Frase do dia - 04/06/2014

"Em geral, na natureza humana existe mais tolice do que sabedoria." Francis Bacon

June 4, 2014, 10:02 am