• mqt_for@hotmail.com
  • Brasil

Fatos & Fotos do dia 26 de Junho de 2020

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Artes, Comportamento, Cultura, Economia, Esportes, Literatura, Música, Tecnologia, Variedades, Política, Brasil, Mundo, Ópera, Fotografia, Arquitetura, Design, Moda,Opinião

*****

Vendo e ouvindo o psicopata declarando que agora será bem-comportado-que-resolveu-respeitar-o-jogo-democrático, Augusto dos Anjos tem um diagnóstico preciso e definitivo:
“O beijo, amigo, é a véspera do escarro”

*****

Arquitetura – Portas&Janelas

*****

Caravaggio – “Boy with a Basket of Fruit” Detalhes

*****

A morte dos polinizadores: Desinformação desafia o controle do uso de agrotóxicos.Meio Ambiente,Agricultura,Alimentos,Agrotóxico,Abelhas,Saúde,Ecologia,Blog do Mesquita

Exposição humana ao uso prolongado preocupa especialistas. Pesquisas já indicaram a contaminação em leite materno. O DDT é um pesticida proibido no país há mais de 30 anos. Seu nome consta na listagem da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) referente aos princípios ativos de uso não autorizado no Brasil. Entretanto, na pesquisa realizada na UFOPA, as amostras positivas (26% com resíduos de DDT e 46% com resíduos de DDE) estavam acima dos valores estabelecidos como seguros para a saúde humana pela Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO).
Acesse>> www.mesquita.blog.br para ler a matéria na íntegra

*****

Da série: Fique em casa

*****

Da série: Monalisas XXXIX*****

Fiocruz: nenhum estado apresenta redução da transmissão de covid-19.

Uma análise feita por pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e divulgada na última quinta-feira apontou que, mesmo que já tenha passado a semana com o máximo número de casos e óbitos pelo novo coronavírus, nenhum estado brasileiro apresentou sinais de uma redução da transmissão da Covid-19. Segundo os cientistas, esse cenário configura uma espécie de platô, que corresponderia a um patamar alto de transmissão, podendo se prolongar indefinidamente.

*****

A próxima catástrofe!

A humanidade, pelo menos como representada pelos governos do mundo, revela uma preferência por ignorá-los até que seja forçada a reagir – mesmo quando o preço da previsão é pequeno. É uma abdicação de responsabilidade e uma traição ao futuro. Covid-19 oferece um exemplo trágico. Virologistas, epidemiologistas e ecologistas alertam há décadas sobre os perigos de uma doença semelhante à gripe que se espalha de animais selvagens.

*****

No dia de hoje em 1942 nascia o gênio Gilberto Gil.
Domingo no Parque procês – Festival Record 1967 – Gilberto Gil

Domingo No Parque
Gilberto Gil

O rei da brincadeira
Ê, José!
O rei da confusão
Ê, João!
Um trabalhava na feira
Ê, José!
Outro na construção
Ê, João!

A semana passada
No fim da semana
João resolveu não brigar
No domingo de tarde
Saiu apressado
E não foi pra Ribeira jogar
Capoeira!
Não foi pra lá
Pra Ribeira, foi namorar

O José como sempre
No fim da semana
Guardou a barraca e sumiu
Foi fazer no domingo
Um passeio no parque
Lá perto da Boca do Rio

Foi no parque
Que ele avistou
Juliana
Foi que ele viu
Foi que ele viu Juliana na roda com João
Uma rosa e um sorvete na mão
Juliana seu sonho, uma ilusão
Juliana e o amigo João

O espinho da rosa feriu Zé
(Feriu Zé!) (Feriu Zé!)
E o sorvete gelou seu coração
O sorvete e a rosa
Ô, José!
A rosa e o sorvete
Ô, José!
Foi dançando no peito
Ô, José!
Do José brincalhão
Ô, José!

O sorvete e a rosa
Ô, José!
A rosa e o sorvete
Ô, José!
Oi girando na mente
Ô, José!
Do José brincalhão
Ô, José!

Juliana girando
Oi girando!
Oi, na roda gigante
Oi, girando!
Oi, na roda gigante
Oi, girando!
O amigo João (João)

O sorvete é morango
É vermelho!
Oi, girando e a rosa
É vermelha!
Oi girando, girando
É vermelha!
Oi, girando, girando

Olha a faca! (Olha a faca!)
Olha o sangue na mão
Ê, José!
Juliana no chão
Ê, José!
Outro corpo caído
Ê, José!
Seu amigo João
Ê, José!

Amanhã não tem feira
Ê, José!
Não tem mais construção
Ê, João!
Não tem mais brincadeira
Ê, José!
Não tem mais confusão
Ê, João!

*****

*****

Novo ministro da Educação, Decotelli considerava Weintraub um “gestor brilhante”

Meu Gizuizin tende piedade “di nóis!” “U qui nóis feis?

*****

Pintura de Francis Bacon

*****

Da série “Meu ofício é incomodar”
Qual impresa privada irá investir grana para sanear uma área dessas?
É patente, pela imagem, que a empresa privada jamais arrecadrá, com o valor da tarifa paga por esses “milionários”, o dinheiro que investiu para sanear esta favela.

*****

*****

Futrico daqui, futrico d’acolá, mergulho na DeepWeb, e o rastro digital do novo Ministro da Educação já mostra que é um agressor contumaz de jornalistas, políticos e demais defensores da democracia.
O antecessor caiu pela língua. Veremos até onde este senhor vai.

*****

José Mesquita

José Mesquita

Pintor, escultor, gravador e "designer". Bacharel em administração e bacharel em Direito. Pós-graduado em Direito Constitucional. Participou de mais de 150 exposições, individuais e coletivas, no Brasil e no exterior. Criador e primeiro curador do Prêmio CDL de Artes Plásticas da Câmara de Dirigentes Lojista de Fortaleza e do Parque das Esculturas em Fortaleza. Foi membro da comissão de seleção e premiação do Salão Norman Rockwell de Desenho e Gravura do Ibeu Art Gallery em Fortaleza, membro da comissão de seleção e premiação do Salão Zé Pinto de Esculturas da Fundação Cultural de Fortaleza, membro da comissão e seleção do Salão de Abril em Fortaleza. É verbete no Dicionário Brasileiro de Artes Plásticas e no Dicionário Oboé de Artes Plásticas do Ceará. Possui obras em coleções particulares e espaços públicos no Brasil e no exterior. É diretor de criação da Creativemida, empresa cearense desenvolvedora de portais para a internet e computação gráfica multimídia. Foi piloto comercial, diretor técnico e instrutor de vôo do Aero Clube do Ceará. É membro da National American Photoshop Professional Association, Usa. É membro honorário da Academia Fortalezense de Letras.

Gostou? Deixe um comentário

José Mesquita

Pintor, escultor, gravador e “designer”.

Bacharel em administração e bacharelando em Direito.

Participou de mais de 150 exposições, individuais e coletivas, no Brasil e no exterior.

Mais artigos

Siga-me