• mqt_for@hotmail.com
  • Brasil

R.I.P. Ennio Morricone – Era Uma Vez no Oeste

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Ennio Morricone (Roma, 10 de novembro de 1928 – Roma, 6 de julho de 2020)

Ennio Morricone OMRI (Roma, 10 de novembro de 1928 – Roma, 6 de julho de 2020)foi um compositor, arranjador e maestro italiano que escreveu músicas em diversos estilos.

Morricone compôs mais de 400 partituras para cinema e televisão, além de mais de 100 obras clássicas. Sua trilha sonora para The Good, the Bad and the Ugly (1966) é considerada uma das trilhas sonoras mais influentes da história e foi introduzida no Grammy Hall of Fame. Sua filmografia inclui mais de 70 filmes premiados, todos os filmes de Sergio Leone desde A Fistful of Dollars, todos os filmes de Giuseppe Tornatore desde Cinema Paradiso, A Batalha de Argel, Animal Trilogy de Dario Argento, 1900, Exorcist II, Days of Heaven, vários filmes importantes no cinema francês, em particular a trilogia de comédia La Cage aux Folles I, II, III e Le Professionnel, bem como The Thing, The Mission, The Untouchables, Mission to Mars, Bugsy, Disclosure, In the Line of Fire, Bulworth, Ripley’s Game and The Hateful Eight.

Depois de tocar trompete em bandas de jazz na década de 1940, tornou-se arranjador de estúdio para a RCA Victor e, em 1955, começou a escrever fantasmas para cinema e teatro. Ao longo de sua carreira, compôs músicas para artistas como Paul Anka, Mina, Milva, Zucchero e Andrea Bocelli. De 1960 a 1975, Morricone ganhou fama internacional por compor músicas para Westerns e – com uma estimativa de 10 milhões de cópias vendidas – Era uma vez no Ocidente é uma das partituras mais vendidas em todo o mundo. De 1966 a 1980, ele foi um membro principal do Il Gruppo, um dos primeiros coletivos de compositores experimentais, e em 1969 foi co-fundador do Forum Music Village, um prestigiado estúdio de gravação.A partir da década de 1970, Morricone se destacou em Hollywood, compondo para prolíficos diretores americanos como Don Siegel, Mike Nichols, Brian De Palma, Barry Levinson, Oliver Stone, Warren Beatty, Warren Beatty, John Carpenter e Quentin Tarantino. Em 1977, ele compôs o tema oficial da Copa do Mundo da FIFA de 1978. Ele continuou a compor músicas para produções europeias, como Marco Polo, La piovra, Nostromo, Fateless, Karol e En mai, fais ce qu’il te plait. A música de Morricone foi reutilizada em séries de televisão, incluindo The Simpsons e The Sopranos, e em muitos filmes, incluindo Inglourious Basterds e Django Unchained. Ele também marcou sete Westerns por Sergio Corbucci, a duologia Ringo de Duccio Tessari e The Big Gundown de Sergio Sollima e Face to Face. Morricone trabalhou extensivamente para outros gêneros de filmes com diretores como Bernardo Bertolucci, Mauro Bolognini, Giuliano Montaldo, Roland Joffé, Roman Polanski e Henri Verneuil. Sua aclamada trilha sonora de The Mission (1986) foi certificada em ouro nos Estados Unidos. O álbum Yo-Yo Ma Plays Ennio Morricone ficou 105 semanas nos álbuns clássicos da Billboard.

As composições mais conhecidas de Morricone incluem “The Ecstasy of Gold”, “Se Telefonando”, “Man with a Harmonica”, “Here to You”, o single número 2 do Reino Unido “Chi Mai”, “Oboé de Gabriel” e “E Più Ti Penso “. Em 1971, ele recebeu uma “Targa d’Oro” por vendas mundiais de 22 milhões e até 2016 Morricone havia vendido mais de 70 milhões de registros em todo o mundo. Em 2007, ele recebeu o Óscar Honorário “por suas magníficas e multifacetadas contribuições à arte da música cinematográfica”. Ele foi indicado para mais seis Oscars. Em 2016, Morricone recebeu seu primeiro Oscar competitivo por sua pontuação no filme de Quentin Tarantino, The Hateful Eight, na época se tornando a pessoa mais velha a ganhar um Oscar competitivo. Suas outras realizações incluem três Grammy Awards, três Globos de Ouro, seis BAFTAs, dez David di Donatello, onze Nastro d’Argento, dois European Film Awards, o Golden Lion Honorary Award e o Polar Music Prize em 2010. Morricone influenciou muitos artistas de classificação de filmes para outros estilos e gêneros, incluindo Hans Zimmer, Danger Mouse, Dire Straits, Muse, Metallica, and Radiohead.

José Mesquita

José Mesquita

Pintor, escultor, gravador e "designer". Bacharel em administração e bacharel em Direito. Pós-graduado em Direito Constitucional. Participou de mais de 150 exposições, individuais e coletivas, no Brasil e no exterior. Criador e primeiro curador do Prêmio CDL de Artes Plásticas da Câmara de Dirigentes Lojista de Fortaleza e do Parque das Esculturas em Fortaleza. Foi membro da comissão de seleção e premiação do Salão Norman Rockwell de Desenho e Gravura do Ibeu Art Gallery em Fortaleza, membro da comissão de seleção e premiação do Salão Zé Pinto de Esculturas da Fundação Cultural de Fortaleza, membro da comissão e seleção do Salão de Abril em Fortaleza. É verbete no Dicionário Brasileiro de Artes Plásticas e no Dicionário Oboé de Artes Plásticas do Ceará. Possui obras em coleções particulares e espaços públicos no Brasil e no exterior. É diretor de criação da Creativemida, empresa cearense desenvolvedora de portais para a internet e computação gráfica multimídia. Foi piloto comercial, diretor técnico e instrutor de vôo do Aero Clube do Ceará. É membro da National American Photoshop Professional Association, Usa. É membro honorário da Academia Fortalezense de Letras.

Gostou? Deixe um comentário