loader
Arte | Poesia | Literatura | Humor | Tecnologia da Informação | Design | Publicidade | Fotografia
Desmatamento,Meio Ambiente,Tecnologia,Blog do Mesquita

Startup usa celulares que iriam para o lixo para combater desmatamento nas florestas brasileiras sábado, 15 de dezembro de 2018

Desmatamento,Meio Ambiente,Tecnologia,Blog do Mesquita

Novas funções, melhor resolução nas fotos. Com a tecnologia se desenvolvendo dia a dia, novos modelos de smartphones surgem a todo momento e, com isso, acabamos trocando de celular com uma frequência bem maior do que a necessária.

Só nos EUA,  milhões de aparelhos são jogados fora todos os anos.

Por isso, a startup Rainforest Connection utiliza os celulares descartados para uma causa nobre: parar de vez com o desmatamento e a caça ilegal. O projeto arrecadou dinheiro, via financiamento coletivo, para espalhar a iniciativa pela Indonésia, África e Brasil.

Funciona da seguinte maneira: os celulares antigos são abastecidos por energia solar e programados com um software especial que capta o som da floresta. Quando motosserras, tiros ou o choro de animais são identificados, o aparelho emite um sinal para guardas ambientais irem verificar o que está acontecendo no local. Cada celular é capaz de “cuidar” de um quilômetro de mata. A informação em tempo real permite o flagrante de forma eficaz.

Segundo a startup, o dinheiro ajudou a proteger 300 hectares de floresta, o que equivale a evitar a emissão de três mil carros por ano. O próximo passo é lançar um aplicativo gratuito para que qualquer um consiga ouvir o som das florestas em seus celulares — assim consigam monitorar qualquer irregularidade.

Topher White, CEO da RainForest Connection, acredita que a tecnologia é capaz de reduzir as atividades ilegais em até 90%, se espalhada no mundo inteiro. Demais, não?

Assista ao vídeo onde eles explicam a tecnologia.

Foto: Rainforest Connection/Creative Commons

Compartilhe a informação:

José Mesquita

Pintor, escultor, gravador e "designer". Bacharel em administração e bacharelando em Direito. Participou de mais de 150 exposições, individuais e coletivas, no Brasil e no exterior. Criador e primeiro curador do Prêmio CDL de Artes Plásticas da Câmara de Dirigentes Lojista de Fortaleza e do Parque das Esculturas em Fortaleza. Foi membro da comissão de seleção e premiação do Salão Norman Rockwell de Desenho e Gravura do Ibeu Art Gallery em Fortaleza, membro da comissão de seleção e premiação do Salão Zé Pinto de Esculturas da Fundação Cultural de Fortaleza, membro da comissão e seleção do Salão de Abril em Fortaleza. É verbete no Dicionário Brasileiro de Artes Plásticas e no Dicionário Oboé de Artes Plásticas do Ceará. Possui obras em coleções particulares e espaços públicos no Brasil e no exterior. É diretor de criação da Creativemida, empresa cearense desenvolvedora de portais para a internet e computação gráfica multimídia. Foi piloto comercial, diretor técnico e instrutor de vôo do Aero Clube do Ceará. É membro da National American Photoshop Professional Association, Usa. É membro honorário da Academia Fortalezense de Letras.

# #

© Copyright 2018 Blog do Mesquita - Direitos Reservados. | POLÍTICA DE PRIVACIDADE | MBrasil