Código Florestal Aldo Rebelo e Ongs


Aldo Rebelo mostra como os ambientalistas podem estar sendo usados ardilosamente pelas ONGs internacionais, no caso do Código Florestal.

Em recente artigo na Folha de S. Paulo, o deputado Aldo Rebelo (PCdoB), que relatou o projeto do Código Florestal na Câmara, afirmou que a grande disputa do comércio mundial se dá hoje no campo no ambientalismo.

Em sua opinião, isso ocorre porque “os foros internacionais, como a Organização Mundial do Comércio e seus ciclos de negociações, como a empacada Rodada Doha, são um palco por demais ostensivo para que os agentes dissimulem seus verdadeiros interesses”.

A seu ver, é por isso que as grandes potências agroindustriais trazem a discussão exclusivamente para o plano ambiental, como se não houvesse interesses econômicos por trás de tudo isso.

“É evidente que, para as ONGs internacionais, pouco importa o percentual de reserva legal ou a metragem de mata ciliar, já que em nenhum país tais reivindicações constam de suas plataformas ou de suas preocupações”. Apenas no Brasil.


Você pode se interessar também sobre: Catador de papelão é eleito vereador em cidade baiana


Diz Aldo Rebelo que o longo e difícil debate acerca da reforma do Código Florestal Brasileiro colocou em destaque, ainda que de forma não suficientemente explícita, a velha e boa questão nacional.

“De um lado, a lógica dos que associam a conservação e reprodução da natureza aos interesses do Brasil funda-se na simbiose entre ambiente e desenvolvimento.[ad#Retangulo – Anuncios – Direita]

De outro, a bandeira do conservacionismo é travestida de subordinação dos interesses nacionais a um movimento que se apresenta asséptico, puro e altruísta na defesa da preservação da Terra, mas que na verdade tem na retaguarda um protagonista que surgiu na humanidade desde que o homem superou a barbárie e começou a trocar mercadorias: o general comércio”, assinala.

A leitura do artigo mostra que o deputado realmente estudou em profundidade a questão.

“O Brasil perdeu mais de 23 milhões de hectares de agricultura e pecuária, em dez anos, para unidades de conservação, terras indígenas ou expansão urbana. Acham pouco. Querem escorraçar plantações de mais de 40 milhões de hectares e plantar mata no lugar.

Quem não concorda é acusado de “anistiar” desmatadores, num processo de intimidação que acua almas pusilânimes no governo e na sociedade. Quebraram a agricultura da África e do México com subsídios bilionários. Pensam que podem fazer o mesmo por aqui. Será?”, indaga o parlamentar.

As afirmações de Rebelo são preocupantes. Para os ambientalistas, é fácil proclamar que ele está defendendo os desmatadores etc. e tal.

A tese é simpática e até palatável, mas tudo indica que o relator não está empenhado em destruir o meio ambiente.

Muito pelo contrário, ele parece estar apenas tentando conciliar a preservação ambiental e os interesses nacionais, e isso é outro departamento, onde não cabem discussões emocionais.

Quando se fala em interesses nacionais, é preciso saber exatamente onde a gente está pisando, para não cairmos no pântano da cobiça internacional sobre um dos maiores bens renováveis do Brasil – o agronegócio.

Carlos Newton/Tribuna da Imprensa

Postado na categoria: Ambiente & Ecologia, Brasil, Economia, Política - Palavras chave: , , , , , , ,

Leia também:

Lixo
Lixo

[ad#Retangulo - Anuncios - Duplo]

August 13, 2015, 10:40 am
Empresas buscam imagem ecologicamente correta, mas consomem muita energia
Empresas buscam imagem ecologicamente correta, mas consomem muita energia

As máquinas de Jeff Rotshchild no Facebook tinham um problema que ele sabia que precisava ser resolvido imediatamente. Estavam a ponto de derreter. Segurança observa servidores em central de processamento...

September 30, 2018, 10:10 am
Bolsonaro e Garimpeiros: Amazônia em perigo
Bolsonaro e Garimpeiros: Amazônia em perigo

O passado garimpeiro de Bolsonaro e o perigo que essa paixão representa para a Amazônia Ilustração:Rodrigo Bento EM MOMENTOS DE folga, Jair Bolsonaro costuma estacionar perto de algum rio, arregaçar...

November 18, 2018, 10:48 am
Design - Objetos
Design - Objetos

Móveis de Papelão [ad name="Retangulo - Anuncios - Duplo"]

July 22, 2017, 10:30 am
Por que o sangue do leão Cecil mancha a todos nós
Por que o sangue do leão Cecil mancha a todos nós

Talvez a indignação generalizada contra o caçador reflita uma conscientização: ou nos salvamos e respeitamos juntos, ou juntos nos perderemos. Criança protesta contra morte do leão Cecil em Minnesota, EUA,...

August 2, 2015, 10:30 am
Ambiente - Ecologia - Cartuns
Ambiente - Ecologia - Cartuns

Cartuns - Natureza Tawan Chuntra Tawan Chuntra Mohammad Khalaji Li Xiaoyang [ad#Retangulo - Anuncios - Duplo]

May 9, 2014, 10:10 am