Até agora, pelo menos 13 parlamentares terão de se explicar na CPI do Cachoeira


Oportuna reportagem de Vinicius Sassine e Adriana Caitano, no Correio Braziliense, mostra que a rede do bicheiro Carlinhos Cachoeira já inclui pelo menos 13 parlamentares que deverão dar explicações na CPI instalada no Congresso, em algum momento da apuração.

Mas até agora, os desdobramentos da Operação Monte Carlo, da Polícia Federal, só motivaram a abertura de procedimentos de investigação contra o senador Demóstenes Torres (sem partido-GO), no Conselho de Ética do Senado; contra os deputados Carlos Alberto Leréia (PSDB-GO), Sandes Júnior (PP-GO) e Rubens Otoni (PT-GO), na Corregedoria da Câmara; e contra o deputado Protógenes Queiroz (PCdoB-SP), no Conselho de Ética da mesma Casa.

Esses parlamentares começaram a ser investigados pelo Congresso antes mesmo do início dos trabalhos da CPI.

O Correio apurou que o suposto envolvimento de outros deputados federais e de dois suplentes de senador — com chances reais de assumir o mandato — no esquema de Cachoeira é bem maior do que o apontado até agora pelos próprios suspeitos.

É o caso do deputado federal Leonardo Vilela (PSDB-GO), que admitiu ter pedido a Cachoeira emprego à filha farmacêutica e ter solicitado ao bicheiro um jantar com Demóstenes.


Você leu?: Mediocridade em um país de educação medíocre


As conversas telefônicas gravadas para a Monte Carlo mostram que o parlamentar, pré-candidato do PSDB à Prefeitura de Goiânia, participou de diferentes jantares com o senador e, nessas ocasiões, foi alvo dos interesses comerciais de Cachoeira.

O bicheiro, que atuava para a Delta Construções, estava insatisfeito com a compra de uma área em Águas Lindas (GO), no Entorno, pela Construtora Queiroz Galvão.

[ad#Retangulo – Anuncios – Esquerda]A empreiteira seria a responsável pelo lixão do município.

“O Leonardo Vilela, do Meio Ambiente de Goiás, tem condição de travar”, disse Cachoeira a Cláudio Abreu, então diretor da Delta no Centro-Oeste, num diálogo gravado em 26 de abril do ano passado.

Ao Correio, Leonardo Vilela disse não ter recebido nenhum pedido para interromper uma obra da Queiroz Galvão.

Já sobre o contrato de inspeção veicular, o deputado afirmou que recebeu “dois ou três grupos” interessados em atuar na área.

“Não lembro quem são esses grupos.”

Segundo o tucano, o edital para a contratação da empresa responsável pela fiscalização da emissão de poluentes não foi adiante. Leonardo Vilela confirmou ter participado “algumas vezes” de jantares com Demóstenes.

“Eu me lembro do Cachoeira presente uma vez”.

Um dos denunciados, o deputado federal Thiago Peixoto (PSD-GO), secretário de Educação do governador goiano Marconi Perillo, está fugindo dos jornalistas.

Peixoto se comporta igualzinho ao governador Sergio Cabral e ao ministro Fernando Pimentel, que não podem nem ver jornalistas por perto.

Até quando vão conseguir se esconder?
Tribuna da Imprensa 

Postado na categoria: Brasil, Política - Palavras chave: , , , , , , , , , , , , , ,

Leia também:

“Ouro negro”, capital do mal!
“Ouro negro”, capital do mal!

Como é de praxe acontecer no Brasil, estudos, pesquisas...

October 27, 2019, 12:33 pm
Patanal em fogo - araras-azuis e outros animais sob risco de extinção
Patanal em fogo - araras-azuis e outros animais sob risco de extinção

O drama das araras-azuis e outros animais sob risco de extinção e acuados pelo fogo no Pantanal

November 12, 2019, 11:40 am
A política ambiental do governo brasileiro é boa ou ruim para o clima?
A política ambiental do governo brasileiro é boa ou ruim para o clima?

Duas histórias; uma de sucesso e uma de fracasso

October 21, 2019, 11:40 am
Governo tem que provar que pode lidar com o óleo nas praias do nordeste
Governo tem que provar que pode lidar com o óleo nas praias do nordeste

Esta falta de transparência é sentida

October 25, 2019, 11:30 am
Brasileiros nascidos hoje terão dificuldade para respirar no futuro, diz estudo climático
Brasileiros nascidos hoje terão dificuldade para respirar no futuro, diz estudo climático

No Brasil, a poluição do ar é um dos pontos que trará problemas para as crianças de hoje e de amanhã.

November 17, 2019, 2:04 pm
O que se descobriu até agora sobre o óleo no Nordeste
O que se descobriu até agora sobre o óleo no Nordeste

Enquanto o petróleo avança pelo litoral brasileiro

November 2, 2019, 1:00 pm