loader
Arte | Poesia | Literatura | Humor | Tecnologia da Informação | Design | Publicidade | Fotografia

Pablo Neruda – Literatura quinta-feira, 13 de dezembro de 2018

A Minha Mulher, Matilde Urrutia A minha mulher é provinciana como eu. Nasceu numa cidade do Sul, em Chillán, famosa pela sorte de possuir uma bela cerâmica camponesa e pela infelicidade de sofrer frequentemente terríveis terramotos. Falando para ela, disse-lhe tudo nos meus Cem Sonetos de Amor. Talvez estes versos definam o que ela significa para mim. A terra e a vida nos juntaram. Embora isto não interesse a ninguém, somos felizes. Dividimos o nosso tempo comum em longas permanências…

Pablo Neruda – Versos na tarde – 03/03/2017 sexta-feira, 3 de março de 2017

Soneto * Pablo Neruda¹ Saberás que não te amo e que te amo posto que de dois modos é a vida, a palavra é uma asa do silêncio, o fogo tem uma metade de frio. Eu te amo para começar a amar-te, para recomeçar o infinito e para não deixar de amar-te nunca: por isso não te amo ainda. Te amo e não te amo como se tivesse em minhas mãos as chaves da fortuna e um incerto destino desafortunado….

© Copyright 2018 Blog do Mesquita - Direitos Reservados. | POLÍTICA DE PRIVACIDADE | MBrasil