1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (8 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Gerardo Mello Mourão – Versos na tarde – 07/09/2017

Sibila (Último oráculo) Gerardo Mello Mourão ¹ Perdido nas veredas das palavras tapa os ouvidos – canto sibilino não escuta: olha apenas estes olhos apaga teus sentidos – só nos olhos acharás o caminho; sem meus olhos, somente os meus – redondos neste rosto – morrerás entre ínvios labirintos. Sibila sou – Sibila, a Sâmia, […]

, , , ,
1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Gerardo Melo Mourão – Versos na tarde

Nênia da Sibila do Livro O país dos Mourões Gerardo Mello Mourão ¹ Onde agora a forma restauração da rosa espedaçada? Onde o rastro onde o gesto onde a maneira da corola outrora? E bem que possuías. Bem que teu sopro batidas desprendiam-se e caíam: era o canto, era o aceno a aparição na sílaba […]

, , , , , , ,