loader
Arte | Poesia | Literatura | Humor | Tecnologia da Informação | Design | Publicidade | Fotografia

Mário Quintana – Versos na Tarde – 04/02/2015 quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Dedicatória Mário Quintana ¹ Quem foi que disse que eu escrevo para as elites? Quem foi que disse que eu escrevo para o bas-fond? Eu escrevo para a Maria de Todo o Dia. Eu escrevo para o João Cara de Pão. Para você, que está com este jornal na mão… E de súbito descobre que a única novidade é a poesia, O resto não passa de crônica policial — social — política. E os jornais sempre proclamam que “a situação…

Mário Quintana – Frase do dia – 11/01/2015 domingo, 11 de janeiro de 2015

“O poema essa estranha máscara mais verdadeira do que a própria face.” Mário de Miranda Quintana * Alegrete, RS. – 30 de Julho de 1906 d.C + Porto Alegre, RS. – 5 de Maio de 1994 d.C >> biografia Compartilhe a informação:

Mário Quintana – Versos na tarde – 25/09/2014 quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Das Utopias Mário Quintana ¹ Se as coisas são inatingíveis… ora! não é motivo para não querê-las… Que tristes os caminhos, se não fora a mágica presença das estrelas! ¹ Mário de Miranda Quintana * Alegrete, RS. – 30 de Julho de 1906 d.C + Porto Alegre, RS. – 5 de Maio de 1994 d.C >> biografia [ad name=”Retangulo – Anuncios – Duplo”] Compartilhe a informação:

Mario Quintana – Versos na tarde – 30/06/2014 segunda-feira, 30 de junho de 2014

Essa lembrança que nos vem Mário Quintana¹ Essa lembrança que nos vem às vezes… folha súbita que tomba abrindo na memória a flor silenciosa de mil e uma pétalas concêntricas… Essa lembrança… mas de onde? de quem? Essa lembrança talvez nem seja nossa, mas de alguém que, pensando em nós, só possa mandar um eco do seu pensamento nessa mensagem pelos céus perdida… Ai! tão perdida que nem se possa saber mais de quem! ¹Mário de Miranda Quintana * Alegrete,…

Mário Quintana – Reflexões na tarde – 14/06/2014 sábado, 14 de junho de 2014

Com o tempo você vai percebendo que para ser feliz com uma outra pessoa, você precisa, em primeiro lugar, não precisar dela. Percebe também que aquele alguém que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente não é o alguém da sua vida. Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você. O segredo é não correr atrás das borboletas… é cuidar do…

© Copyright 2018 Blog do Mesquita - Direitos Reservados. | POLÍTICA DE PRIVACIDADE | MBrasil