1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas ( Seja o primeiro a votar !!! )
Loading...

Maria Teresa Horta – Versos na tarde – 08/08/2017

Enleio Maria Teresa Horta ¹ Não sei se volteio Se rodopio Se quebro Se tombo nesta queda em que passeio Não sei se a vertigem em que me afundo é este precipício em que me enleio Não sei se cair assim me quebra… Me esmago ou sobrevivo em busca deste anseio. ¹ Maria Teresa Mascarenhas […]

, , ,
1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Maria Teresa Horta – Versos na tarde – 15/06/2014

Clima Maria Teresa Horta¹ Neste clima de armas submersas de silêncios calados bocas crespas de já grandes coragens e vontades de já claridade e já certeza Neste clima espesso grosso enorme ao tamanho dos olhos – temperatura à exacta liberdade retomada uma espécie de grito e de sutura Este clima ferida cerco incerto a avolumar […]

, , ,
1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (8 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Maria Teresa Horta – Versos na tarde – 05/02/2014

Desperta-me de noite Maria Teresa Horta ¹ Desperta-me de noite O teu desejo Na vaga dos teus dedos Com que vergas O sono em que me deito É rede a tua língua Em sua teia É vicio as palavras Com que falas A trégua A entrega O disfarce E lembras os meus ombros Docemente Na […]

, , , , ,
1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (11 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Maria Teresa Horta – Versos na tarde

Sem ti Maria Teresa Horta ¹ Não quero viver sem ti mais nenhum tempo Nem sequer um segundo do teu sono Encostar-me toda a ti eu não invento Tu és a minha vida o tempo todo ¹ Maria Teresa Mascarenhas Horta * Lisboa, Portugal – 20 de Maio de 1937 d.C Tweet

, , ,
1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (11 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Maria Teresa Horta – Versos na tarde

Enleio Maria Teresa Horta ¹ Não sei se volteio Se rodopio Se quebro Se tombo nesta queda em que passeio Não sei se a vertigem em que me afundo é este precipício em que me enleio Não sei se cair assim me quebra… Me esmago ou sobrevivo em busca deste anseio. ¹ Maria Teresa Mascarenhas […]

, , ,
1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (10 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Maria Teresa Horta – Versos na tarde

Diferença Maria Teresa Horta ¹ Aquilo que é secreto à tua beira e longe de ti se torna tão corrente Aquilo que é vulgar longe de ti mas se estás perto se torna tão diferente Aquilo que é mistério indecifrável se te aproximas até à minha cama E que se torna raivosamente instável se por […]

, , ,
1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (17 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Maria Teresa Horta – Versos na tarde

Desperta-me de noite Maria Teresa Horta ¹ Desperta-me de noite O teu desejo Na vaga dos teus dedos Com que vergas O sono em que me deito É rede a tua língua Em sua teia É vicio as palavras Com que falas A trégua A entrega O disfarce E lembras os meus ombros Docemente Na […]

, , , , ,
1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (15 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Maria Teresa Horta – Versos na tarde

Os silêncios da fala Maria Teresa Horta ¹ São tantos os silêncios da fala De sede De saliva De suor Silêncios de silex no corpo do silêncio Silêncios de vento de mar e de torpor De amor Depois, há as jarras com rosas de silêncio Os gemidos nas camas As ancas O sabor O silêncio […]

, , ,