loader
Arte | Poesia | Literatura | Humor | Tecnologia da Informação | Design | Publicidade | Fotografia

Tóffoli cria o “julgamento sem fim” em homenagem a Gilmar Mendes terça-feira, 3 de março de 2015

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral, José Antonio Dias Tóffoli, acaba de criar mais uma figura originalíssima para o Direito brasileiro: o “julgamento sem fim”, que vai se somar à condenação sem provas, a prisão para confissão e o “domínio do fato” tupiniquim. Pois Sua Excelência, relata a jornalista Cláudia Wallin, de Estocolmo, disse na capital sueca, onde foi fazer uma palestra para “diplomatas, juízes e acadêmicos” do Instituto  International para a Democracia e a Assistência Eleitoral, que o ministro Gilmar…

Mensalão do PSDB julgará o STF domingo, 14 de outubro de 2012

A mesma mídia que anunciava até há pouco que o STF seria “julgado pela opinião pública” de acordo com o que deliberasse sobre o “mensalão do PT”, agora que a maioria daquela Corte está decidindo como jornais, revistas e televisões querem estes parecem cada vez menos interessados em julgar os julgadores, com as exceções que todos conhecem. O mesmo Supremo que está produzindo manchetes triunfantes sobre a condenação de “mensaleiros” é a Corte em que processos contra políticos sempre terminaram…

Comissão do Senado aprova Toffoli para o STF quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Após quase sete horas de sabatina, a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou, por 20 votos a 3, o nome do Advogado-Geral da União, José Antonio Dias Toffoli, para uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF). Na sabatina, Toffoli garantiu independência e disse que o período que advogou para Lula e para campanhas presidenciais do PT são uma página virada em sua vida. Alegou que a falta de uma pós-graduação, mestrado ou doutorado se deram por opção….

Gilmar Mendes, a nomeação de Toffoli e o PT segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Gilmar: críticas sobre Toffoli refletem antiga prática do PT O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Gilmar Mendes, afirmou neste sábado que a recente condenação do advogado-geral da União, José Antonio Dias Toffoli, pela Justiça do Amapá, por ter ganho licitação supostamente ilegal em 2001 para prestar serviços advocatícios ao governo estadual, não deve ser supervalorizada. Indicado pelo presidente Lula para uma lugar no STF, Toffoli foi condenado, com outras três pessoas, no último dia 8, a devolver R$ 420…

José Antonio Dias Toffoli: ministro e réu? domingo, 20 de setembro de 2009

A trajetória meteórica do atual Advogado Geral da União, José Antonio Dias Toffoli, pode alcançar os píncaros da carreira de um jurista(?), caso o Senado referende a sua (dele) indicação para uma cadeira de ministro do Supremo Tribunal Federal. De advogado do PT para a mais alta corte constitucional do Brasil, em um lapso de tempo inacreditavelmente curto. Aos 41 anos de idade que experiência de vida o Dr. Toffoli adquiriu para decidir questões cruciais capazes de afetar toda uma…

Indicado de Lula ao STF é condenado no Amapá sábado, 19 de setembro de 2009

Só concordando com Zé Bêdêu, o derradeiro abestado crédulo da Praça do Ferreira em Fortaleza: arre égua!!! Ô raça!!! Tenho absoluta certeza que assim como colocar o nome de Democratas em um partido habitado por Marco Maciel, Jorge Bonhausen, José Agripino e outras figuras nada ortodoxas, é uma cínica gozação com os Tupiniquins. Assim também acredito que o apedeuta de Garanhuns, além de um gozador, é também um exímio manejador de uma nada sutil borduna para desancar os Tupiniquins. Afinal,…

Lula indicará mais um ministro do STF quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Mais uma vaga no supremo. Ou “nunca antes nestepaiz…” Nunca antes nestepaiz alguém terá indicado tantos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) quanto Luiz Inácio Lula da Silva. Com a morte do ministro Menezes Direito, o que lastimo, Lula terá escolhido nada menos de nove nomes para o Supremo, preenchendo sete vagas, duas delas mais de uma vez: foi ele quem indicou Eros Grau, que completará 70 anos antes de Lula encerrar o mandato e será obrigatoriamente substituído, e o…

STF mantém resolução do TSE sobre fidelidade partidária quinta-feira, 13 de novembro de 2008

PGR e partido alegavam que não cabe a tribunal legislar sobre tema. Para relator, TSE pode se posicionar até que Congresso se manifeste. Mais de 200 já perderam cargo por infidelidade partidária O Supremo Tribunal Federal (STF) manteve nesta quarta-feira (12) o entendimento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre infidelidade partidária. O julgamento foi decidido por nove votos a dois. Duas ações de inconstitucionalidade haviam sido impetradas pela Procuradoria Geral da República (PGR) e pelo Partido Social Cristão (PSC) questionando…

© Copyright 2018 Blog do Mesquita - Direitos Reservados. | POLÍTICA DE PRIVACIDADE | MBrasil