1. Primeiro o pré sal – esse já foi! 2. Com o fascista “hermano de los pampas”, trabalhando para desmontar o Banco dos BRICS. 3. Acordo nuclear com a empresa acima do Rio Grande, afunda – ainda em construção – o submarino nuclear dos Tapuias. 4. Com tratados como o TPP e o TISA, Çerra […]

, , , , , , , ,
1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Temer e as Forças Armadas

O governo, interino, Temer caso se torne efetivo, tem pela frente o enrosco que surgirá com os militares. A política econômica neoliberal adotada por Temer, certamente causará aumento da insegurança social. É só olhar o currículo dos manda-chuva da economia Tapuia. Henrique “Bank Boston” Meireles, Fazenda, e Ilan “Itau” Goldfajn, Banco Central, no comando da […]

, , , ,

Segundo Abin, troca de mensagens em aplicativo já serviu para divulgar discurso traduzido de porta-voz dos extremistas. A menos de dois meses dos Jogos Olímpicos no Rio, “lobos solitários” são vistos como ameaça. A criação de um grupo em português do “Estado Islâmico” (EI) no aplicativo de mensagens instantâneas Telegram elevou a preocupação da Agência […]

, , , , , , , , , , , ,

O Comitê Olímpico do Brasil estabeleceu como meta que o país fique entre os dez maiores ganhadores de medalhas na Olimpíada do Rio. E, para treinar os atletas, tem recebido ajuda das Forças Armadas. General que comandou missão da ONU no Haiti hoje integra equipe do Comitê Olímpico do Brasil Segundo o COB, o Brasil […]

, , , , , , , , , ,

As Forças Armadas perderam influência após os golpes do século XX e países da região não sabem o que fazer com seus militares. Brasil é um dos países que tem colaborado mais com as missões de paz da ONU (Foto: Wikipédia) Tanques nas ruas fizeram parte da política da América Latina durante boa parte do […]

, , , , , , ,
1 Estrelas2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Amazônia – Acorda Brasil!

Um abastado senhor de difusa cidadania sueco-britânica compra 160 mil hectares de terras amazônicas, nos municípios de Manicoré e Itacoatiara (pode?, como fica a lei que regula a venda de terras para estrangeiros?). Por: Luiz Gonzaga Schroeder Lessa* E, não satisfeito, difunde e propagandeia para que outros empresários sigam o seu exemplo, com o objetivo […]

, , ,

Drones terão de voar a 30 m de altura de pessoas e não fazer acrobacias. Velocidade máxima das aeronaves poderá ser de 55 km/h ou 110 km/h. Drone do Ministério do Trabalho e Emprego que será usado para combater trabalho escravo no Brasil. (Foto: Divulgação/Ministério do Trabalho e Emprego) saiba mais Drone será usado pelo […]

, , ,

G1 obtém informação pela Lei de Acesso; veja quais serão as armas. Compra fará país ter melhor força aérea da América Latina, diz especialista. A Força Aérea Brasileira pagará US$ 245.325 milhões (cerca de R$ 869 milhões) por 70 mísseis e bombas israelenses de alta tecnologia, e 14 unidades de sistemas táticos de captação de informações […]

, , , , , ,

“[…] é preciso estar atento e forte…” Caetano Veloso Ontem, em mais um episódio relacionado à Operação Lava Jato, foi decretada, pelo juiz Sérgio Moro, a prisão do vice-almirante da reserva Othon Luiz Pinheiro da Silva, pois, segundo um delator, ele teria se beneficiado pelo recebimento de propina. Esta prisão, ao contrário da maioria das […]

, , , , , , , , , , ,

O Vice-Almirante Othon Pinheiro da Silva, mandado prender hoje por Sérgio Moro, é o mais legítimo sucessor do também Almirante Álvaro Alberto, que pôs em risco a própria carreira para desenvolver o conhecimento brasileiro sobre a energia nuclear e sua aplicação prática. Othon – como fizera Alberto em 1953, quando conseguiu o apoio de Getúlio […]

, , , , , , , , ,

Depois de retardarem obras importantes para o país, as empreiteiras privadas criticam quando o Exército é acionado para garantir as obras prioritárias. A eficiência, honestidade e a rapidez do Exército na execução de obras de construção e reforma pelo país estão incomodando as empreiteiras, que se queixam de “concorrência desleal” por parte da corporação. O […]

, , , , , ,

A vulnerabilidade do mar brasileiro é, atualmente, o eixo da inquietação dos militares, embora não admitam o fato publicamente. No entanto, as Forças Armadas reconhecem, em apresentações internas, que a defesa dos espaços marítimos brasileiros, incluindo a área do pré-sal, é um desafio abissal. Segundo reportagem de Chico Otávio do jornal O GLOBO, além da […]

, , , , , , , , ,